Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Rival de Bolton faz melhor tempo do ano

05 de Julho, 2016

Justin Gatlin provou que está sedento do segundo ouro olímpico nos 100 m rasos

Fotografia: AFP

O americano Justin Gatlin provou que está sedento do segundo ouro olímpico nos 100 m rasos (ganhou em Atenas-2004). Na final da prova, na selectiva americana realizada no domingo, em Eugene, ele ficou com o título ao cravar o tempo de 9s80.A marca é a melhor de 2016, superou os 9s86 que  alcançados pelo francês Jimmy Vicaut, em Fevereiro. Com isso, chega com o moral elevado para a Olimpíada do Rio.

"Eu não estava muito preocupado com o tempo. No ano passado, eu estava bem e a correr rápido e consistentemente, mas neste ano, eu procurei guardar-me para o momento certo,  melhorar aos poucos, e foi o que eu fiz. Só quero ficar mais forte, mais rápido e representar os Estados Unidos", afirmou.A prova viu outros dois atletas a assegurarem a qualificação olímpica. Trayvon Bromell anotou 9s84 e passou a ter a segunda melhor marca da temporada. A terceira posição ficou com Marvin Bracy, com 9s88."Há uma nova onda de velocistas a surgirem e eles têm muito coração e raça. Quando for a minha hora de me aposentar, posso ficar tranquilo que vou passar o bastão para Travvon e Bracy e eles que cuidem do assunto", completou Gatlin.