Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Rossi critica novo chassi

11 de Maio, 2017

Rossi já havia classificado a moto deste ano como menos "natural" do que a antecessora nas entradas de curvas

Fotografia: PIERRE-PHILIPPE MARCOU | AFP

A Yamaha participou do teste de Jerez de la Frontera na última segunda-feira (8) com a dupla titular, Valentino Rossi e Maverick Viñales. Para a sessão, a equipa japonesa levou uma actualização do chassi 2017. Rossi, que já havia classificado a moto deste ano como menos \"natural\" do que a antecessora nas entradas de curva, não ficou satisfeito com a novidade levada pela equipa nipónica para o teste.

“Testamos um acerto mais comum - diferente da corrida, quando procuramos outro caminho e não funcionou. Infelizmente, a novidade, assim como o novo chassi, não se saiu melhor. Neste teste também experimentamos coisas que nos deram respostas para resolver problemas no futuro\", disse.

O director técnico da Yamaha, Massimo Meregalli, afirmou que \"o novo chassi possui pontos positivos, embora existam algumas áreas que ainda podem ser melhoradas.\" Viñales, entretanto, mostrou-se mais encorajado com a novidade do que o companheiro de equipa. \"O novo chassi funciona muito bem. Comparamos usando o mesmo acerto da corrida e os mesmos pneus. Tivemos um resultado totalmente diferente, com um ritmo muito bom\", observou.

“De qualquer forma, precisamos começar a olhar para Le Mans. Creio que será uma pista boa para nós, especialmente para o meu estilo de pilotagem. Podemos fazer um bom trabalho. Há pontos positivos e negativos no novo chassi, precisamos chegar e analisar para então tomar uma decisão.\"

O bicampeão da MotoGP, Casey Stoner, irá se juntar à Ducati para parte de seu programa de testes privados nos próximos dias. A Ducati agendou testes em Mugello e Barcelona para antes e depois da corrida de Le Mans deste mês, que acontece no dia 21.

Por outro lado, os pilotos Jorge Lorenzo e Andrea Dovizioso vão treinar em Mugello na próxima segunda-feira, enquanto o piloto de testes Michele Pirro fará um programa de três dias de segunda a quarta-feira na pista italiana.

Stoner vai assistir à corrida da MotoGP do fim de semana em Le Mans, e em seguida irá para Barcelona para um teste de dois dias, em 23 e 24 de Maio. Lorenzo e Dovizioso também se vão juntar a Stoner. Isso vai deixar a equipa com apenas um dia de teste privado para usar até o final da temporada de 2017.

Tendo regressado à Ducati no ano passado como piloto de testes, Stoner só andou uma vez em 2017, antes e durante o primeiro teste de pré-temporada em Sepang, em Janeiro. Os GPs da Itália e da Catalunha serão realizados entre 2 e 4 e 9 e 11 de Junho, respectivamente.
\"Normalmente, esse teste antes do GP é importante para se preparar para a corrida\", disse Dovizioso sobre a corrida de Mugello. \"Mas eu não sei se teremos algo novo para testar.\"