Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Samantha Stosur entra a ganhar

08 de Outubro, 2014

Samantha Stosur entra a ganhar

Fotografia: AFP

A australiana classificou-se para a próxima fase ao vencer a anfitriã Misa Eguchi, por dois sets a zero, com parciais de 6/4 e 7/5, após 1h33.

Classificada para a próxima fase, Stosur vai ter pela frente a compatriota Jarmila Gajdsova, que superou a também japonesa Miharu Imanishi ao aplicar 6/4 e 6/0. Sem nenhum título na época, a australiana espera comemorar um título em Osaka.
Osaka é o único local onde a tenista conquistou dois títulos no circuito. Campeã da primeira edição do torneio em 2009, voltou a vencer em 2013, agora espera conquistar o tricampeonato, que podia representar a metade dos títulos da sua carreira.

JELENA JANKOVIC
VENCE EM TIANJIN


Tal como Stosur, quem também venceu na estreia foi Jelena Jankovic. A disputar o WTA de Tianjin, a sérvia passou da primeira fase ao vencer a russa Alla Kudryavtseva, por dois sets a um com parciais de 6/2, 0/6 e 6/0.
Depois do duelo com dois pneus, Stosur vai ter pela frente Saisai Zheng, que venceu a húngara Timea Barbos, por dois sets a zero com parciais de 7/5 e 6/4. A anfitriã Shuai Peng passou pela israelense Shahar Peer  com parciais de 7/5, 4/6 e 6/2.


ATENAS´2004
Inquérito judicial
indicia má gestão


A justiça grega indiciou, dez anos depois dos Jogos Olímpicos de Atenas2004, um antigo responsável da empresa que desenvolveu as instalações desportivas, muitas das quais estão actualmente ao abandono.

Konstantinos Matalas antigo responsável do organismo público “Olympiaka Akinita” que foi criado em 2002, oito meses depois do inquérito judicial, é acusado de ter provocado um défice milionário nas contas públicas.

A justiça grega pediu o levantamento da imunidade parlamentar a um deputado do partido conservador do governo, Nova Democracia, que foi o sucessor de Matalas à frente da empresa pública e que se encontra desaparecido.

O deputado em causa, Dyonisis Stamenitis contestou, através de comunicado, as acusações da justiça. Dyonisis sublinhou que três das instalações tiveram utilidade após os Jogos Olímpicos e foram feitas muitas tentativas para rentabilizar outras.