Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Seleco em Frana para o Grande Slam

Rosa Napoleo - 05 de Fevereiro, 2014

Caso o judoca ultrapasse o peso do dia anterior em 5 por cento, fica eliminado.

Fotografia: Jornal dos Desportos

A Selecção Nacional de judo em seniores embarcou hoje para França, onde vai disputar nos próximos dias oito e nove, o torneio da Grande Slam de Paris. O torneio é selectivo aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, e o combinado nacional anseia alcançar o passe para a referida competição.

O conjunto angolano escalonado para o Grande Slam de Paris está composto pelos atletas Hélio Zembula (66 kg), Antónia de Fátima «Faia» (-70 kg), Henriques João (-90 kg), Ângelo António (-81kg) e Aldacio Kambamba (-100 kg).

Em caso de apuramento, o judo angolano vai marcar presença pela terceira vez, depois das participações nos Jogos Olímpicos de Atenas, em 2004, Pequim em 2008 e Londres 2010, com a judoca Antónia de Fátima« Faia». André de Sousa, técnico principal que orienta o grupo, garantiu uma boa participação dos atletas. «Temos bons atletas para esta qualificação.

Acredito que tudo vão fazer para trazer-nos a alegria que esperamos», perspectivou. Henriques João dos -90 kg, atleta que já carrega alguma experiência neste tipo de competições, disse que está pronto para mais este desafio. «O nosso objectivo é medalhar, e vamos dar tudo de nós para conseguir isso. Trabalhamos muito e acreditamos num bom resultado».

A competição da Grand Slam de Paris deve ser disputada no novo sistema de regras da Federação Internacional de Judo, válida para os próximos tempos. Entre as principais alterações está o tempo de luta na classe feminina que passa de cinco minutos, para quatro minutos. A pesagem dos atletas também passou por mudanças.

Tem lugar na véspera do duelo, mas no dia da luta, por meio de sorteio ou determinação da IJF, os atletas podem ser novamente pesados. Caso o judoca ultrapasse o peso do dia anterior em 5 por cento, fica eliminado.
Rosa Napoleão