Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Seleco viaja hoje para Argel

Rosa Panzo - 24 de Setembro, 2015

Seleco nacional de Vela da classe Optimist

Fotografia: Jornal dos Desportos

A selecção nacional de Vela da classe Optimist viaja hoje para Argélia, palco do Campeonato Africano a disputar-se de 28 do mês corrente a 4 de Outubro, crente na conquista dos lugares do pódio. O optimismo é expresso pela estreante Rossana da Rocha, de 15 anos de idade, que promete regressar a Angola com uma medalha.
"Apesar de estar um pouquinho inquieta, estou confiante no meu profissionalismo", disse

A adolescente realiza a sua primeira internacionalização e justifica que viaja munida de boa condição psicológica para contornar as potenciais candidatas ao troféu.
"Durante os treinos o nosso slogan foi:'Vamos para Argélia disputar em igualdade de circunstâncias com os nossos adversários'. Por isso, as presenças das craques adversárias não me intimidam", disse.

Lourenço Simão, de 14 anos de idade, realiza a sua quarta internacionalização e assegura que está preparado para conquistar a medalha falhada no Campeonato Africano realizado em Marrocos. Naquela época, o velejador angolano foi desclassificado por violar as regras das bandeiras.

"Aperfeiçoamos as regras das bandeiras durante os treinos e o treinador foi bastante duro connosco. Felizmente, aprendemos tudo que foi ensinado e prometo conquistar medalhas que falhei em Marrocos", disse.

Francisco Artur, de 13 anos de idade, augura regressar com o título de campeão africano.
"Sei que vão estar os melhores velejadores do nosso continente, mas isso não mata o meu desejo de ser campeão africano. É para isso que sou desportista", disse.
A selecção nacional de Optimista é uma das mais fortes de África, depois dos países do mediterrâneo.