Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Seleccionador reduz grupo de trabalho

Rosa Napoleão - 17 de Fevereiro, 2016

Representantes de Angola em preparação para alcançarem a terceira qualificação

Fotografia: Jornal dos Desportos

Cinco atletas foram afastados ontem da pré-selecção nacional de canoagem, na primeira triagem ao grupo que prepara a participação no Campeonato Africano a realizar-se de 31 de Março a 4 de Abril, em Durban, África do Sul.

O técnico principal Mateus Afonso avaliou a condição física e experiência dos seleccionáveis durante uma prova realizada na baía de Luanda.
Dos 13 atletas inicialmente convocados, apenas oito estão em condições de qualificar o país para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro'2016. Mateus Afonso vai dar continuidade a triagem, caso houver problemas ligados a finanças. "Estamos preparados, temos um plano B e vamos a Durban com os atletas que pudermos levar", disse.

Quanto aos níveis competitivos dos atletas, o seleccionador nacional confirmou "haver habilidades para terminar a competição africana com êxito," na especialidade de canoa.

 Na especialidade de cayaque, Mateus Afonso assegurou que "as garantias são bastantes reduzidas". Até à data de partida, Mateus Afonso vai trabalhar na baía de Luanda com Jairo Domingos (1º de Agosto), Gerson Samuel (Clube Naval de Luanda) e Gaston Miguel (Clube Náutico da Ilha de Luanda) na especialidade de cayaque; César Fidalgo, Paulo Rocha e Manuel António (todos do Clube Naval de Luanda) na especialidade de canoa; Josemar Andrade (Clube Náutico da Ilha de Luanda) e Luís Janota (Clube Naval de Luanda) na classe paralímpica.

No histórico de participações nos campeonatos mundiais e africanos, Angola chegou a duas meias finais em Milão e obteve na Tunísia nove medalhas, das quais duas de ouro, cinco de prata e duas de bronze.

Depois de Beijing'2008 e Londres'2012, Angola procura a terceira qualificação consecutiva aos Jogos Olímpicos. Nas anteriores, Pacavira Fortunato e Nelson Henriques "ordenaram" o içar da bandeira nacional no torneio de canoagem.
ROSA NAPOLEÃO