Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Seleco de futsal acerta estratgia

PAULO CACULO - 11 de Janeiro, 2018

Seleccionador Rui Sampaio trabalha para ultrapassar os zambianos

Fotografia: M.Machangongo | Edies Novembro

A Selecção Nacional de Sub-18 de Futsal realiza hoje à tarde, no Pavilhão Principal da Cidadela, em Luanda, a penúltima sessão de treinos no quadro da preparação com vista o desafio de sábado às 16h00 no mesmo campo, diante da congénere da Zâmbia, a contar para a primeira mão da eliminatória de acesso à fase final da III edição dos Jogos Olímpicos da Juventude, agendado para Outubro em Buenos Aires, Argentina.
Na semana passada, o técnico Rui Sampaio trabalhou com o grupo os aspectos de ordem técnica e táctica, consubstanciados na construção do jogo ofensivo e defensivo, assim como os ensaios de movimentação colectiva e individual dos jogadores. Hoje e amanhã a preparação vai incidir, preferencialmente, na correcção de detalhes da estratégia.
E, nesse aspecto, o recurso aos jogos particulares estão a ajudar a equipa a ganhar os níveis de entrosamento e de competitividade desejados, para ultrapassar a Zâmbia na primeira mão da referida eliminatória.
Depois da última sessão de treinos, agendada para amanhã à tarde, também no Pavilhão da Cidadela vão  dissipar-se as eventuais dúvidas em relação ao grupo de jogadores que deve ajudar para  dar corpo ao cinco inicial da selecção, no desafio de sábado.
De acordo com Andrade Dinis, vice-presidente da FAFUSA, a Federação está a resolver todos os aspectos administrativos, com relação à chegada da equipa adversária e da equipa de arbitragem, esta última proveniente da Costa do Marfim.
\"Estamos à espera dos árbitros e comissários que devem chegar amanhã da Costa do Marfim. Aguardamos, igualmente, a chegada da selecção da Zâmbia. Vamos competir numa eliminatória em que temos de ganhar o jogo, de formas a disputar a segunda mão com chances de qualificação para a próxima eliminatória. Se vencermos esta fase, vamos defrontar o vencedor do embate entre as selecções de Marrocos e da Guiné Equatorial\", esclareceu.
Andrade Dinis assegurou, por outro lado, haver um enorme optimismo em torno da selecção e da Federação, em relação à eliminatória. Considerou que o grupo está a trabalhar muito bem, dentro dos níveis desejados, pelo que aposta haver condições para que o combinado nacional consiga um resultado positivo que abra boas perspectivas de qualificação para a segunda fase do apuramento. O desafio da segunda mão disputa-se entre os dias 26 e 28 de Janeiro, em Lusaka.

HOTEL CONTINENTAL
Conferência
de imprensa
acontece
amanhã à tarde

A direcção da Federação Angolana de Futebol de Salão (FAFUSA) realiza amanhã às 15h00, no Hotel Continental, em Luanda, uma conferência de imprensa com objectivo de prestar melhores esclarecimentos à comunicação social, adeptos da modalidade e público em geral, sobre os preparativos da realização no sábado dia 13 às 16h00 no Pavilhão Principal da Cidadela do  jogo entre as selecções Sub-18 de Futsal de Angola e da Zâmbia.
O desafio é referente à primeira mão das eliminatórias de acesso aos Jogos Olímpicos da Juventude, que acontecem este ano em Buenos Aires, Argentina, informa um comunicado daquele órgão federativo chegado ontem à nossa Redacção.  

O comunicado da FAFUSA informa, igualmente, que decorre nesse momento o processo de credenciamento, via online, das equipas de reportagens dos diversos órgãos de comunicação social (públicos e privados) que vão cobrir o  desafio. Por outro lado, a FAFUSA, igualmente em comunicado de imprensa, pretende que os nossos Sub-18 tenham apoio suficiente para afastar os zambianos da competição.
Deste modo, e por tratar-se do "primeiro jogo a ser realizado na história do futsal angolano e em solo pátrio", o elenco de Noé Alexandre pretende a ajuda de todos, para que o Pavilhão principal da Cidadela esteja ao rubro. "Servimo-nos da presente, para solicitar V/Exmas, a associarem-se aos esforços da Federação, para a mobilização de todos os agentes do futsal, nomeadamente, dirigentes, treinadores, massagistas, atletas, adeptos, bem como os nossos familiares, afim de que com este gesto possamos galvanizar os nossos jovens atletas rumo à vitória", lê-se no comunicado.