Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Seminário dos Desportos Motorizados decorre em Luanda na quinta-feira

Hélder Jeremias - 29 de Julho, 2014

O Grande Prémio Zé Du junta na capital angolana pilotos que podem proporcionar momentos de grande despique

Fotografia: Dombele Bernardo

A direcção da Federação Angolana dos Desportos Motorizados e o Ministério da Juventude e Desportos ultimam os preparativos para a realização do primeiro Seminário Nacional de Desportos Motorizados, a ter lugar quinta-feira, das 8h30 às 17h30, no Hotel de Convenções de Talatona, no âmbito da terceira edição do Grande Prémio Internacional Zé Du, no sábado e domingo no Autódromo de Belas. 

Os especialistas portugueses convidados para a acção formativa aos profissionais da comunicação social chegam amanhã, dia em que vão procurar trocar impressões com os agentes desportivos nas diversas modalidades movidas pela força do motor, de maneira a darem alguns subsídios em prol do seu desenvolvimento.

Os jornalistas nacionais vão ser munidos de técnicas especializadas para doravante poderem prestar um melhor serviço ao público amante da velocidade sobre rodas, do karting à Fórmula 1, passando por todas as componentes que envolvem uma competição.

Temas como as normas e segurança no desporto motorizado, planificação e organização de torneios, abordagem dos desporto motorizado pela imprensa, criação e gestão de equipas de competição, Fórmula 1, WTCC, Ralis Todo-o-terreno (Dakar), vão ser aflorados no seminário.

A formação é enquadrado nas festividades do 72º aniversário do Presidente da República, José Eduardo dos Santos, a ser comemorado dia 28 de Agosto, e tem como prelectores os especialistas Luís Caramelo, Fernando Matias da Motorsport e Nuno Magalhães, além de Victorino Cunha, que se vai debruçar sobre a importância da condição físico-atlética nos desportos motorizados.

A secretária executiva  da FADM, Verânia Dias, garantiu estarem "criadas as condições para que o seminário decorra sem sobressaltos, assim como as reservas dos prelectores vindos do exterior".