Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Silva conquista nacional activo

João Francisco - 23 de Dezembro, 2013

Silva conquista nacional activo de xadrez

Fotografia: Jornal dos Desportos

O xadrezista júnior David Silva, de 16 anos, ao serviço do Progresso Associação do Sambizanga (PAS) sagrou-se ontem Campeão Nacional de Xadrez activo (partidas de 30 minutos), na primeira das duas provas individuais do Festival de fim ano 2013, que termina hoje nas instalações da Federação Angolana de Xadrez (FAX).

David Silva, com 2037 pontos no ranking internacional, que também já deu nas vistas no Campeonato Nacional por equipas ao ter sido o segundo melhor tabuleiro da prova, começou a construir a sua retumbante vitória final nas primeiras cinco jornadas ao derrotar os Mestres Internacionais, Adérito Pedro, Amorim Agnelo, Erickson Soares Cambando José, considerados os principais favoritos.

A partir dai, David Silva geriu a competição a seu bel-prazer terminando na primeira posição com 8,5 pontos, destronando o candidato a Mestres, João Simões da Epal, que era o campeão em título.

Nos postos imediatos do Campeonato Nacional activo 2013 ficaram os Mestres Internacionais Adérito Pedro e Erickson Soares, com oito e sete pontos, respectivamente. Hoje disputa-se o Nacional activo e no final procede-se a entrega de prémios dos três Campeonatos Nacionais do IX Festival de Xadrez de fim de ano da FAX.
 João Francisco.


Militares vencem nacional por equipas

A equipa principal do 1º de Agosto confirmou o favoritismo no Campeonato Nacional de Xadrez por equipas de 2013, ao terminar na primeira posição, após vitória diante da Escola de Mestres (3-1), na nona e última jornada da prova que faz parte do IX festival de fim de ano, competição que prossegue nas instalações da Federação Angolana de Xadrez (FAX), com a disputa dos nacionais individuais activo e de partidas rápidas.

Os militares foram os mais regulares do campeonato, vencendo todos os jogos e  tendo apenas consentido um empate (2-2) na segunda jornada, diante da Epal, campeã destronada, que deve queixar-se de si mesma por ter sofrido uma derrota com o Polivalente Futebol Clube (2,5-1,5), que a afastou prematuramente dos lugares cimeiros.

De resto, a prova teve na selecção das Forças Armadas, uma das equipas que liderou a primeira metade da prova em parceria com o Polivalente Futebol Clube. A grande decepção foi  o Team Leader, que acabou por desistir depois da quinta jornada, passando a partir daí a averbar derrotas nos restantes jogos, por força dos regulamentos que determina este procedimento quando uma equipa abandona depois de ter cumprido pelo menos 50 por cento da competição.

O 1º de Agosto, com os Mestres Adérito Pedro, Amorim Agnelo, Erickson Soares, Ediberto Domingos, e o benguelense João Mário, ocuparam os lugares cimeiros com 17 pontos, seguidos do Polivalente Futebol Clube, 16 pontos, e do Grupo Desportivo da Epal, com 15 pontos.

Nos postos imediatos da prova, disputada por dez equipas, todas de Luanda, ficaram o Progresso, com 11 pontos, Selecção das Forças Armadas, com 8 pontos, Núcleo da Vila, 6 pontos, Escola de Mestres, 6 pontos, Núcleo do Sambizanga, 4 pontos, Núcleo da Viana, 3, e Team Leader, 2 pontos.

NACIONAL DE RÁPIDAS
ARRANCA HOJE NA FAX

Depois de ontem ter terminado o Campeonato Nacional Activo (partidas de 30 minutos), o Campeonato Nacional de rápidas (partidas de cinco minutos), segunda prova individual do nono festival da FAX, disputa-se hoje no sistema suíço a nove jornadas. O candidato a Mestre João Simões da Epal é o actual campeão nacional de rápidas e vai tentar defender o seu prestígio.
 João Francisco