Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Simone a um passo da Fórmula 1

17 de Fevereiro, 2014

Simone de Silvestre pode integrar as grelhas de partidas na principal categoria do automobilismo mundial

Fotografia: AFP

A indiana Monisha Kaltenborn, chefe da equipa Sauber da F1, anunciou na última sexta-feira que a suíça Simona de Silvestro é a nova membro a integrar os cokpites dos monolugares para a época de 2014. A primeira mulher chefe de equipa da história prepara a reentrada de uma mulher naprincipal categoria do desporto automóvel mundial.Simona de Silvestro fez a carreira desportiva nos Estados Unidos desde os 18 anos. Ela é um dos destaques da Fórmula Indy há quatro anos.Simona de Silvestro começou a sua carreira na Europa, na Fórmula A francesa, na qual terminou a época em 15º lugar. Em 2005, teminou na 21ª posição da Fórmula Renault 2000 na Itália. Depois, seguiu para os Estados Unidos, onde correu na Fórmula BMW. Com seis pódios e 11 provas completadas entre os dez melhores, Simona Silvestro fez história ao tornar-se a primeira mulher a conquistar um lugar no pódio no Indianapolis Motor Speedway.

Após passagem pela F-Atlantic, fez testes na GP2, sendo a primeira mulher a conseguir o feito. Em 2009, tornou-se na segunda mulher a conquistar uma pole position, após Danica Patrick quebrar o tabu. Danica, por sua vez, teve o seu nome envolvido em muitas especulações sobre uma possível transferência para a Fórmula 1.Em 2010, Simona de Silvestro chegou à Formula Indy, através da equipa HVM Racing. Ela foi a primeira não-americana a pilotar na categoria, que já tinha as norte-americanas Danica Patrick e Sarah Fisher. Em 2013, trocou de equipa e foi para a KV Racing Technology. A ideia de Simona era preparar-se para conseguir a superlicença e tentar uma vaga de titular na F-1 em 2015. Para isso, vai ter de fazer testes na pista, no simulador, além de se esforçar na preparação física e mental.

“Após quatro anos na Fórmula Indy, a ambição de Simona é entrar na Fórmula 1 em 2015. Consideramo-la uma piloto muito talentosa e decidimos convidá-la para a nossa equipa e dar-lhe todo o apoio no seu caminho para a maior categoria do automobilismo”, disse Monisha Kaltenborn.
Simona participou nos primeiros testes da época, no circuito de Barcelona, após o GP da Espanha. No ano passado, Simone de Silvestro completou o campeonato na 13ª posição, com 362 pontos, a sua melhor época na categoria. Foi a primeira mulher na Fórmula Indy a subir ao pódio num circuito de rua. Simone foi a segunda colocada na primeira corrida da ronda dupla de Houston, em 2013.