Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Southgate quer deciso rpida sobre a sua situao na seleco

16 de Novembro, 2016

Inglaterra lidera Grupo F da fase europeia de qualificao para Mundial-2018 apesar de ter um seleccionador com a situao contratual sem estar resolvida em definitivo

Fotografia: AFP

O seleccionador de futebol da Inglaterra, Gareth Southgate, orientou a equipa de forma interina nos últimos três jogos, disse na segunda-feira, que pretende saber nas próximas semanas se a sua condição passa a permanente.

Gareth Southgate assumiu interinamente as funções de seleccionador, após a dispensa de Sam Allardyce que deixou o cargo, após ter sido ‘apanhado’ numa conversa a proferir comentários controversos sobre um esquema fraudulento de transferências.

Southgate orientou a selecção inglesa na vitória de sexta-feira, frente à Escócia, por 3-0, de qualificação para o Mundial-2018, depois de também estar no banco, no empate com a Eslovénia (0-0) e no triunfo em casa frente a Malta (2-0). "Será importante par saber o que estarei a fazer, a partir de meados de Novembro”, referiu Southgate, de 46 anos, que foi promovido interinamente de seleccionador de sub-21, a principal.

"Estou imensamente orgulhoso de ter orientado a selecção do meu país por três jogos, e de estar envolvido no Inglaterra - Escócia, que é sempre um jogo de alta pressão”, referiu Southgate, e acrescentou que foi “uma experiencia muito especial”. O seleccionador interino recordou, no entanto, que é de interesse de todos a clarificação desta situação, até porque no próximo ano decorre o Europeu de sub-21, e prossegue em Março a qualificação para o Mundial-2018.

"É claro que toda a gente vai querer saber, penso que até ao final de Novembro, início de Dezembro, quem é responsável por cada área, para podermos definir e organizar o nosso trabalho”, referiu o seleccionador. A Inglaterra lidera o Grupo F da fase europeia de qualificação para o Mundial-2018, na Rússia, com 10 pontos, com dois pontos de vantagem sobre a Eslovénia e quatro da Eslováquia.

HARRY KANE
Harry Kane está lesionado num tornozelo, foi dispensado da selecção da Inglaterra. O avançado do Tottenham não jogou na sexta-feira, na vitória da Inglaterra sobre a Escócia, por 3-0, do grupo F da zona europeia de qualificação para o Mundial-2018, não recuperou da lesão no tornozelo, sofrida há mais de um mês.

“É mais importante para ele, um treino mais específico. A nossa metodologia de trabalho não se adapta actualmente ao que Harry [Kane] necessita, pois está parado há muito tempo”, justificou o seleccionador interino de Inglaterra, Gareth Southgate.

ITÁLIA
Estudo prevê
lucro para
Estádio da Roma


O novo Estádio do clube de futebol Roma deve gerar cerca de 20 mil milhões euros em receitas adicionais para a capital italiana, na próxima década, revelou um estudo da Universidade de Roma "La Sapienza". “Esta, é uma das mais ambiciosas obras de recuperação urbana, que Roma e Itália já viram”, disse Giuseppe Ciccarone, do departamento de economia da instituição.

De acordo com o estudo, o projecto com financiamento privado de 1,6 mil milhões de euros, deve aumentar o produto interno bruto da capital italiana, em 18,5 mil milhões de euros, até 2026. A pesquisa também revela que o projecto do Estádio deve reduzir a taxa média de desemprego em Roma, em quase um ponto percentual, para dar trabalho a cerca de 1.500 pessoas durante a fase de construção, e a mais 4.000 como partes do projecto.

O novo Estádio foi incluído na candidatura de Roma para os Jogos Olímpicos de 2024, entretanto ,‘chumbada’ pela câmara, deve empregar até 20.000 pessoas quando estiver concluído. Inspirado no Coliseu, o Estádio tem capacidade para 52.500 espectadores, pode ser ampliado para 60.000 nos jogos grandes.

A Roma partilha Estádio Olímpico com a rival Lázio, vai construir o novo Estádio numa área de 125 hectares, em Tor di Valle, incluindo também um campo de treinos, três torres de escritórios, parques e áreas comerciais e de entretenimento. O presidente da Roma, James Pelota, apresentou pela primeira vez o plano do Estádio em Março de 2014, disse então que estava pronto para a temporada 2016/17, mas tem sido adiado devido à falta de aprovação municipal.