Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Soyo acolhe Jogos da Marinha

Melo Clemente - 17 de Julho, 2013

Comandante Marinha de Guerra quer disciplina e fair-play durante a disputa dos IV Jogos do ramo competição que vai apurar os melhores atletas para os Jogos das Forças Armadas

Fotografia: M.Machangongo

A cidade do Soyo, capital da província do Zaire, acolhe d 20 do mês em curso a 3 de Agosto próximo, a IV edição dos Jogos Militares da Marinha de Guerra, competição que este ano conta com a participação recorde de 500 atletas, contra 391 da época anterior.As modalidades de futsal, andebol, voleibol, triatlo militar, xadrez, futebol onze, judo, atletismo, orientação, superação de obstáculos, basquetebol e tae-kwon-dó, fazem parte da edição número quatro dos Jogos Militares da Marinha de Guerra, prova que apura os melhores atletas e equipas para os Jogos Militares das Forças Armadas Angolanas que este ano vai ser disputado na província do Huambo, a partir do dia 20 de Setembro.

As cinco centenas de atletas que vão desfilar durante os 13 dias de competição representam quatro regiões, designadamente, Região Naval Norte, que abarca as províncias de Cabinda e Zaire, Região Naval Sul, engloba as províncias de Benguela e Namibe, Esquadra Naval Operacional, que corresponde a Luanda, e a Unidade do Ambriz. Depois da abertura da Aldeia Olímpica a 14 do mês em curso,a  cerimónia presidida pelo Almirante Augusto da Silva Cunha (Gugu), as delegações participantes ao certame começaram a escalar a província do Soyo na última segunda-feira.

Ontem, as últimas caravanas estiveram na vila petrolífera do Soyo que já começou a ganhar nova vida. Hoje, o Comité Organizador dos IV Jogos Militares da Marinha de Guerra começa a fazer a distribuição do material desportivo a ser usado durante a competição, ao passo que a reunião técnica tem lugar amanhã, no período da tarde.Sexta-feira, acontece o ensaio geral, antes do arranque oficial da competição, marcado para sábado, dia 20. O futsal dá o pontapé de saída da edição número quatro dos Jogos Militares da Marinha de Guerra. Recentemente foram realizados nas províncias do Bié e Huíla os VII Jogos Militares do Exército.

Inovação
Mulheres participam pela primeira vez


Os IV Jogos Militares da Marinha de Guerra contam pela primeira vez da sua história, com a participação de atletas do sexo feminino, nas mais variadas modalidades.De acordo com Manuel Caleia, um dos membros da Comissão Organizadora do acontecimento, a participação das senhoras vai seguramente marcar a edição quatro dos Jogos Militares da Marinha de Guerra.

Depois de termos realizado os Jogos em três ocasiões, este ano, decidimos alargar os jogos ao sector feminino, inovação que marca sem sombras de dúvidas à competição, cuja cerimónia se realiza já este sábado no Soyo, asseverou Manuel Caleia.Triatlo militar, que consiste em tiro com arma automática AKM, lançamento de granada, corrida de corta mato de três quilómetros é das modalidades em que as mulheres estão mais envolvidas.

Manuel Caleia assegurou por outro lado, que as condições técnicas e administrativas estão asseguradas, para o sucesso dos IV Jogos Militares da Marinha de Guerra de Angola.A I edição dos Jogos Militares da Marinha de Guerra foi realizada no Ambriz, ao passo que Soyo e Namibe acolheram a II e III edições. A cidade do Soyo volta a acolher mais uma edição dos Jogos. M.C

Filipe Cruz realça
evolução dos atletas


A evolução dos andebolistas angolanos no Mundial de juniores, que decorre na Bósnia Herzegovina, foi destacada pelo técnico nacional Filipe Cruz, quando considerou que apesar da derrota frente à Tunísia (23-26) a equipa soube reagir.  Em entrevista à  Angop após o segundo jogo do Grupo A, sediado em Banja Luka, o seleccionador disse que não é fácil defrontar atletas com nível elevado em grandes competições, contrariamente aos seus pupilos que têm pouco contacto em acontecimentos  com formações de topo universais.