Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Surfista sobrevive a ataque de tubarão

21 de Julho, 2015

Australiano usou a prancha como escudo e escapou ileso do ataque do tubarão

O surfista australiano Mick Fanning escapou neste domingo, a um ataque de tubarão, em Jeffrey's Bay, África do Sul. As imagens foram transmitidas ao vivo pela TV e deram a volta ao mundo.Fanning,  de 34 anos, estava sentado na prancha, a  aguardar  uma onda, quando sentiu um impacto no momento em que percebeu que estava a ser atacado por um tubarão. O australiano usou a prancha como escudo e escapou ileso do ataque, foi resgatado por um jet ski da organização da prova.

“Ele veio na minha direcção e foi bloqueado pela prancha. Comecei a dar pontapés e a gritar. Não vi os dentes, mas achei, que ele fosse me morder enquanto eu nadava”, contou o surfista, que participava da final da competição.Fanning, tricampeão mundial, não sofreu nenhuma lesão, acabou por ter a corda cortada,  que prende a prancha ao pé dos surfista.

A organização informou, que sabia da existência de tubarões, perto da área de competição. O J-Bay Open, uma das provas que integram o Circuito Mundial de Surfe, foi cancelado depois do o susto.O porta-voz do Instituto Nacional de Salvamento no Mar, (NSRI) Craig Lambinon, alertou para o risco aos surfistas e banhistas no local. “Acreditamos, que é a primeira vez, que um incidente deste tipo é filmado durante uma competição”, disse ao canal de TV Enca.

O público, que assistia à prova, ficou impressionado com o momento de pânico vivido por Fanning. “Achava, que ele fosse morrer diante de nós, foi muito intenso”, contou Kaylee Smit ao portal de notícias News24.“Foi surreal. Todos ficaram em silêncio, o comentarista,  gritou para que as pessoas saíssem do mar. Ainda estou em choque, a tremer”, descreveu.

O jornalista Calvin Bradley, da revista de surfe “ZigZag”, também testemunhou a cena.“Fanning desapareceu entre as ondas e esperámos pelo pior. Parece que ele começou a dar socos e pontapés.” Julian Wilson, que disputava a final do J-Bay Open contra Mick Fanning, assistiu bem de perto ao grande susto apanhado pelo seu compatriota.