Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Suzuki confirma mudança de líder

11 de Junho, 2017

A Suzuki confirmou que Shinichi Sahara vai assumir a posição de Satoru Terada como líder de projecto na MotoGP.

Fotografia: AFP

Satoru Terada não resistiu ao início difícil de época na MotoGP. A Suzuki confirmou ontem a troca de comando, com Shinichi Sahara a assumir o posto de líder de projecto. A mudança acontece de forma imediata.

Depois de um 2016 positivo, inclusive com uma vitória de Maverick Viñales, a Suzuki enfrenta uma época ruim. Passadas as primeiras seis provas do ano, a equipa de Hamamatsu soma apenas 28 pontos no Mundial de Construtores, 100 a menos que a líder Yamaha e tem um sétimo lugar como melhor resultado no ano.

O novo dirigente actuou no desenvolvimento da versão mais recente da GSX-R1000 de rua e já trabalhou na divisão de corridas da marca.
“Sahara tem muita experiência e creio que a sua contribuição vai ser positiva”, disse Davide Brivio, chefe da Suzuki, em entrevista à publicação britânica ‘Autosport’. O responsável minimizou as razões da mudança: “Já é sabido que, às vezes, fábricas japonesas fazem essas reestruturações\".

A Suzuki entrou na época 2017 com uma equipa completamente repaginada. A equipa japonesa contratou Andrea Iannone para substituir Viñales após a mudança do espanhol para a Yamaha, mas decidiu não renovar o vínculo de Aleix Espargaró para colocar Álex Rins na vaga do catalão.

O estreante, no entanto, ainda não conseguiu mostrar a sua performance, já que se tem lesionado consecutivamente. Álex está afastado desde o GP das Américas, em Abril, mas deve voltar a conduzir a GSX-RR no início da próxima semana, num teste colectivo em Montmeló.

Andrea Iannone, por sua vez, ocupa o 14º lugar na classificação do Mundial de Pilotos, 84 pontos atrás do líder Viñales.