Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Taa de Angola em automobilismo e motociclismo abre poca desportiva

Helder Jeremias - 14 de Janeiro, 2019

Os desportos motorizados conheceram uma grande dinmica nos ltimos anos

Fotografia: Edies Novembro

A marcação da Taça de Angola 2019 em automobilismo e motociclismo, agendada para dia 23 de Fevereiro no Autódromo Permanente de Belas, consta das principais deliberações da primeira reunião ordinária do conselho de direcção da Federação Angolana de Desportos Motorizados, realizada dia 5 do mês em curso na capital do país.
O conclave serviu ainda para confirmar e aprovar a realização do Encontro Nacional dos Desportos Motorizados, a ter lugar dia 15 de Fevereiro, durante o qual especialistas das várias modalidades movidas pela força mecanizada, vão trocar impressões pertinentes no âmbito da massificação e desenvolvimento desportivo no território nacional.
De acordo com um comunicado enviado ao Jornal dos Desportos, a direcção da FADM procedeu, no mês de Dezembro de 2018, à inscrição de Angola junto da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e da Federação Internacional de Motociclismo (FIM), estando a aguardar pela sua confirmação, ainda no início do ano em curso.
O documento informa ainda que a cerimónia de entrega de prémios referentes à época 2018, terá lugar dia 23 de Fevereiro, após a realização da Taça de Angola em Automobilismo e motociclismo, numa altura em que o órgão reitor dos desportos motorizados se encontra engajado na tramitação de todos os pressupostos, para que o certame decorra à preceito.
“A FADM apreciou ainda o calendário nacional de provas para a época 2019 e agendou para o dia 19 de Janeiro, às 09h00, em Luanda, uma reunião com todos os chefes de equipa, pilotos, mecânicos e amantes do karting, para a definição da estratégia para o campeonato 2019”, lê-se no comunicado.
O documento revela, por outro lado, que os membros da federação foram informados sobre a possibilidade da passagem e realização em Angola de uma das fases da mediática prova internacional de todo-o-terreno, “Raly Dakar” 2020, cujo percurso prévio abrangerá a vizinha República da Namíbia.
Por último, a reunião debruçou-se sobre a organização administrativa da FADM e da contínua degradação e ocupação ilegal do Autódromo de Luanda, facto que, de acordo com o documento, tem preocupado sobremaneira os amantes dos desportos motorizados em Angola.
Os desportos motorizados têm conhecido uma dinâmica muito forte nos últimos seis anos, tendo a criação da Federação Angolana marcado uma viragem profunda. No entanto, as dificuldades do ponto de vista económico e a falta de locais apropriados têm condicionado, de certa forma, a materialização de algumas metas elencadas pelos corpos gestores.