Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Tenista de sonhos altos

Rosa Napole?o - 15 de Julho, 2017

Durante três anos, beneficiou de uma formação em terras de Nelson Mandela. Desde então, a Estrela de Futuro apresenta um nível competitivo acima da média angolana.

Fotografia: DOMINGOS CADÊNCIA | Edições Novembro

De sete anos de idade, Rikelme de Lemos é uma estrela em ascensão no ténis angolano.  Muito versátil, aos três anos de idade apaixonou-se pelas raquetes e redes, durante uma visita ao Clube de Ténis de Luanda. Aos quatro anos foi inscrito na escola de formação. Desde então, está a ser bem acompanhado por Ciro Osvaldo Napoleão de Lemos que é o mentor pela escolha da modalidade. Todos os dias úteis de treino está ladeado do pai.

O acompanhamento milimétrico deixa encantado o treinador Gomes Samba. \"Uma das coisas boas que aprecio, é a dedicação dos seus país\", diz o treinador com satisfação. Em busca de melhor performance, Rikelme de Lemos teve de deixar Angola e fixar residência na África do Sul, ao lado dos progenitores. Durante três anos, beneficiou de uma formação em terras de Nelson Mandela. Desde então, a Estrela de Futuro apresenta um nível competitivo acima da média angolana.

TREINADOR
“Devemos
encaminhá-lo
com muito cuidado”

O treinador Gomes Samba assegura que Rikelme de Lemos é uma criança que tem muita vontade de ir para a frente. \"Ainda é pequeno e devemos encaminhá-lo com muito cuidado. Uma das coisas boas que aprecio, é a dedicação dos seus país, que o impulsiona. Trazem a criança regularmente para os treinos. A princípio era difícil dominar o Rikelme, pois tinha quatro anos de idade. É natural que reagisse assim. Mais tarde, os pais foram a África do Sul, onde o rapaz teve a oportunidade de participar de uma formação e regressou mais maduro\", disse Gomes Samba.  

NOTA
DOS PAIS

“Foi bom ver
o nosso filho”


Rikelme Alexandre Vinhais de Lemos é filho de Ciro Osvaldo Napoleão de Lemos e de Carolina Lucas dos Santos Vinhais. Num diálogo franco, o progenitor descreve a trajectória \"pequena\" do rebento e a paixão pelo ténis.
Como surgiu a ideia de abraçar o ténis?
Já não me lembro

Com quantos anos começou a praticar?

O Rikelme começou com  três anos de idade

Os pais não se opuseram a isso?

Não! Muito pelo contrário, foi bom ver o nosso filho a empenhar-se num desporto.

Quem apoia o menino em termos de transportes para os treinos?

O pai e o motorista (Rogério)

Ele consegue conciliar o desporto com os estudos?

Sim, consegue muito bem.

Como pai, acredita no potencial desportivo do seu filho?

Sim. Ele já mostrou que pode ser um bom atleta dentro de poucos anos.

Há histórico de desportistas na família?

Que eu saiba, não.

PERFIL
NOME: Rikelme Alexandre Vinhais de Lemos
D. NASCIMENTO: 29 de Março de 2010
NATURALIDADE: Luanda
INSTITUIÇÃO ESCOLAR: Ninho das Cotovias
CLASSE:
DESPORTO: Ténis
CLUBE QUE GOSTARIA DE JOGAR: Sinto-me bem no clube em que estou
CLUBE: 1º de Agosto e Petro de Luanda
ÍDOLO: Serena Williams
QUE ANGOLA GOSTARIA DE VER DAQUI A 20 ANOS: Um país organizado e sem guerra
COR PREFERIDA: Verde
COMO PASSA O FIM DE SEMANA: Vejo filmes com o pai e o meu primo
DO QUE GOSTA DE BRINCAR: Gosto de jogar a bola
O QUE GOSTA DE LER: Histórias infantis
MÚSICO PREFERIDO: Landrick
COMIDA: Muamba de ginguba, peixe e carne
QUE PAÍS GOSTARIA DE CONHECER: Brasil
SONHOS: Quero ser um atleta famoso