Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Tenistas Federer e Cilic apontam para o ttulo

27 de Janeiro, 2018

Roger Federer qualificou-se ontem, pela 30. vez na sua carreira, para a final de um torneio do Grand Slam

Fotografia: AFP

O tenista suíço Roger Federer qualificou-se ontem, pela 30.ª vez na sua carreira, para a final de um torneio do ‘Grand Slam’, em virtude de beneficiar da desistência do sul-coreano Hyeon Chung, na segunda meia-final, defronta na final de amanhã, o croata Marin Cilic.
Chung que está em 58.º da hierarquia, retirou-se por lesão quando perdia por 6-1 e 5-2, com o segundo do ‘ranking’ mundial, com pouco mais de uma hora de jogo.
Na final, Federer pretende conquistar o seu 20.º título do ‘Grand Slam’ e sexto em Melbourne, diante do croata Marin Cilic, sexto jogador mundial, num embate que reedita a final de 2017 do torneio de Wimbledon, que o helvético venceu, por 6-3, 6-1 e 6-4.
Cilic que é o sexto jogador mundial, qualificou-se pela terceira vez para a final de um torneio do ‘Grand Slam’, ao bater o britânico Kyle Edmund, classificado em 49.º, nas meias-finais do Open da Austrália.
Cilic, de 29 anos, superou Edmund, de 23 anos, em três ‘sets’, pelos parciais de 6-2, 7-6 (7-4) e 6-2, em duas horas e 18 minutos, vai disputar o título com o suíço Roger Federer, segundo jogador mundial, ou o sul-coreano Hyeon Chung, 58.º da classificação.
O jogador croata procura o segundo troféu no ‘Grand Slam’, após a vitória no Open dos Estados Unidos de 2014, em que superou na final o japonês Kei Nishikori e mas ‘meias’ Federer, que em 2017 bateu Cilic na final de Wimbledon.