Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Trovoada esboa mundial da Hungria

Rosa Napoleo - 01 de Outubro, 2018

Os dois enviados partem no prximo dia sete do corrente

Os aspectos defensivos, porpilhas, derrubas e voltas do pescoço dominam a preparação de Francisco Kadima \"Trovoada\" para Campeonato do Mundo de Luta Livre a decorrer de 20 a 28 de Outubro em Budapeste, Hungria. O atleta angolano da categoria de -79 kg de luta livre conseguiu a qualificação em Fevereiro último na Nigéria, quando obteve a medalha de bronze no campeonato africano.
Em declarações ao Jornal dos Desportos, Francisco Kadima prometeu dignificar as cores de Angola, apesar de viver vários constrangimentos.
\"Não prometo medalhas, mas vou dar o melhor de mim. Treino afincadamente, mesmo com uma lesão no dedo da mão esquerda\", disse.
Até a realização do Mundial, o tempo é curto para recuperar da lesão. Tubarão, como é conhecido nas lides desportivas, reiterou que \"o mais importante é a participação na competição, pois vai ser uma mais valia para o país\".
\"É uma prova mundial disputada por atletas do mais alto nível e com os quais vale sempre competir\", justificou.
Tubarão também sonha com a qualificação aos Jogos Olímpicos de Japão\'2020. Antes da competição mundial, vai estagiar de 9 a 19 do corrente, no Centro de Treinos de Matrahaza, na Hungria. O angolano consta de um grupo de atletas eleitos, para participar do Campo de Treinos.
Francisco Kadima agradece à Federação Angolana de Lutas, por viabilizar a participação no Campo de Treinos.
\"Estamos felizes. Vamos ter a oportunidade de concluir a nossa preparação e adquirir maior qualidade competitiva\", disse.
Para além de Francisco de Deus Kadima, participa também do Campo de Treino na Hungria o director técnico da Federação Angolana de Lutas, Tiago Ngonda. Os dois enviados partem no próximo dia sete do corrente.