Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Uso indevido do material entristece Auxílio Jacob

Gaudêncio Hamelay, no Lubango - 08 de Fevereiro, 2014

O uso indevido e a degradação dos materiais de ginástica atribuídos aos núcleos provinciais preocupam Auxílio Jacob.

Fotografia: Jornal dos Desportos

O responsável assegurou que em algumas províncias os meios foram usados para fins extra-modalidade, o que constitui uma violação aos acordos assumidos.

Auxílio Jacob reconheceu que se deve dar tempo às pessoas para que compreendam a importância do uso do material de ginástica existentes nos Institutos Politécnicos construídos em algumas províncias. Para o efeito, defende um “trabalho de sensibilização” e está esperançado que o trabalho vai resolver o problema.

“Temos informações, por exemplo, sobre as pessoas que rasgaram os cavalos para aproveitar o cabedal na manufactura de sapatos, sandálias e cadeirões”, disse.

Auxílio Jacob prometeu reunir nos próximos tempos com os directores dos Institutos Politécnicos de todo o país para que os materiais de ginástica possam ser utilizados exclusivamente pelas Associações provinciais de Ginástica, porque são as “entidades que têm competência cientifica”. As escolas não dispõe de especialistas para dar aulas de ginástica aos alunos. Portanto, é justo que o material deve estar disponível para o processo de massificação em curso em todo o país. O dirigente desportivo referiu que o ideal é usá-lo e nunca o deixar degradar ou usá-lo para outros fins.

“O investimento do Estado angolano visa a utilização dos meios em benefício das crianças e alunos e nunca fechá-lo em quatro paredes”, sustentou.
Auxílio Jacob revelou que existem instituições com material da prática de ginástica, mas não se dá a devida utlização. Essa situação está a ser tratada no Ministério da Educação. As escolas construídas na Huíla estão apetrechadas com esse tipo de material e a direcção da Federação já trabalhou com a direcção provincial da Educação. Antes, Auxilio Jacob reuniu com a Secretaria de Estado da Educação, que deixou espaço para reflexão sobre a matéria.