Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Vettel admitiu que Hamilton esteve bem

07 de Julho, 2017

. O alemão da Ferrari admitiu que Lewis Hamilton não travou propositadamente aquando do recomeço da corrida de Baku.

Fotografia: AFP

Afinal o ‘brake-test’, que Sebastian Vettel alegou para a manobra de raiva que lhe valeu um ‘stop & go’ de 10 segundos no Grande Prémio do Azerbaijão, não existiu. O alemão da Ferrari admitiu que Lewis Hamilton não travou propositadamente aquando do recomeço da corrida de Baku.“Não penso que ele tenha feito efectivamente um ‘brake-test”, admitiu Vettel na conferência de imprensa da quinta-feira anterior ao Grande Prémio da Áustria.

O piloto da Ferrari admitiu que por isso tomou “a decisão errada” ao colocar-se ao lado de Hamilton e ter batido no seu Mercedes. Sobre o assunto o britânico referiu que sempre esperava que o seu rival corrigisse algo que não correspondeu à realidade. “A telemetria mostrou que não foi o caso. De facto até que ele acelerou. Penso que o objectivo seria estar o mais perto de mim, mais foi um erro de julgamento”, sublinhou Hamilton.

O vice-Campeão do Mundo reiterou que sempre quis responder a Vettel, e mostrar que não tinha qualquer intenção de o prejudicou quando travou: “Não tinha qualquer necessidade de fazer algo do género pois eu estava na frente. Aceito as suas desculpas e agora avancemos”. De referir que o alemão pediu desculpas a Lewis quando ambos trocaram mensagens após a corrida.