Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Vettel reconhece poder da Mercedes

05 de Maio, 2015

Sebastian Vettel afirmou, que ainda vai levar algum tempo para que a Ferrari de facto consiga brigar de igual para igual com a Mercedes,

Fotografia: AFP

Sebastian Vettel acredita, que a Ferrari ainda vai levar mais tempo para alcançar a Mercedes em 2015, mas disse ser importante manter-se próximo, para aproveitar quando “algo der errado para eles”.

Sebastian Vettel afirmou, que ainda vai levar algum tempo para que a Ferrari de facto consiga brigar de igual para igual com a Mercedes, apesar do impressionante início de temporada da equipa italiana em 2015 na F1.

Depois de um campeonato sombrio e de poucos resultados no ano passado, a esquadra vermelha ressurgiu muito forte, depois da reestruturação interna pela qual passou em 2014, que incluiu mudanças na chefia, nos sectores técnicos, além da contratação de Sebastian Vettel para o lugar de Fernando Alonso.

O tetracampeão, inclusive, foi o responsável pela primeira vitória da equipa, neste ano, no GP da Malásia - a equipa não vencia desde 2013.

Além disso, o alemão foi ao pódio em mais duas oportunidades, na Austrália e na China, enquanto o companheiro Kimi Räikkönen  colocou-se entre os dois carros da Mercedes no GP do Bahrein.

Apesar da competitiva temporada, Vettel  disse estar consciente de que alcançar os actuais campeões no restante do ano, não deve ser uma tarefa das mais fáceis.

“Estamos a tentar incomodar a Mercedes e precisamos ficar sempre por perto, para atacar se algo der errado com eles”, disse Vettel à edição de domingo do diário alemão Welt.

Mas também é muito importante, que outras equipas nos superarem. A Mercedes ainda tem o pacote mais forte. E você não consegue reduzir uma diferença como essa tão rápido.

A Ferrari deu um passo à frente na pré-temporada, mas vai demorar mais algum tempo para alcançar o mesmo nível da Mercedes, completou.

De acordo com Maurizio Arrivabene, o chefe ferrarista, a equipa de Maranello planea levar para o GP de Espanha, prova que deve ser disputada no fim de semana, uma “série de actualizações na SF15-T”.