Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Vettel viola contrato ao visitar a Ferrari

28 de Novembro, 2014

O tetracampeão Sebastian Vettel visitou a nova casa e conheceu os futuros companheiros de trabalho da Ferrari

Fotografia: AFP

O tetracampeão Sebastian Vettel visitou a nova casa e conheceu os futuros companheiros de trabalho da Ferrari, enquanto Kimi Raikkonen trabalhou com o carro no Circuito de Yas Marina. O gesto incomodou a direcção da Red Bull e nas hostes da equipa vermelha houve celebração.

Helmut Marko, conselheiro da equipa de bebidas energéticas e esponsável por consagrar o alemão como tetracampeão mundial da Fórmula 1, reclamou da postura do antigo comandado e garantiu que a acção significou uma ‘violação de contrato’.

“Legalmente, isso não é bom, mas não poderia importar-me mais com essa situação”, declarou o director da Red Bull, em entrevista concedida ao jornal alemão ‘Auto Bild’.

Anunciado como novo piloto da Ferrari antes da última etapa do calendário de 2014, Vettel agiu com discrição durante toda a ‘novela’. No final de Outubro, o piloto afirmara que a Red Bull o impediria de encerrar o compromisso antes do final dos testes pós-época desta semana. Entretanto, após a confirmação do negócio, antes mesmo do Grande Prémio de Abu Dhabi, o alemão afastou-se da postura ponderada durante o final de semana em Abu Dhabi.

Depois de concluída a passagem pela Red Bull com um oitavo lugar em Yas Marina, Vettel permaneceu nos Emirados Árabes para acompanhar os testes de pós-época. De surpresa, sem qualquer uniforme, o tetracampeão mundial visitou a garagem da Ferrari.
O alemão conversou com mecânicos, engenheiros, funcionários da equipa vermelha e ainda ouviu instruções de rádio da equipa para Kimi Raikkonen.


NA DINAMARCA

Autoridades e Bernie
discutem etapa da F1


A Dinamarca revelou estar na fila para receber uma etapa do mundial de Fórmula 1. A presença de Kevin Magnussen ajudou a despertar o interesse de ingressar no certame em 2018, de acordo com o jornal Herning Folkeblad.

O projecto está a ser tratado por autoridades locais e uma reunião com Bernie Ecclestone está agendada para Janeiro, segundo o ex-ministro da Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento daquele país, Helge Sander.

A mesma publicação diz que Sander mantém conversações com grandes empresas dinamarquesas, casos do Saxo Bank e da marca de roupas Bestseller.