Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Évora confortável para atacar medalha

19 de Junho, 2016

O português Nelson Évora disse sexta-feira querer ganhar outra medalha olímpica no triplo salto,

Fotografia: AFP

“Estou confortável, estou bem, estou em boa forma, os resultados vão aparecer, sei bem o que tenho de fazer. Em 2008, também não fiz grandes resultados, o importante eram os Jogos, tal como este ano. O mais importante é estar longe das lesões e treinar o melhor possível, para me apresentar da melhor forma possível”, afirmou.

À margem da apresentação dos equipamentos da missão portuguesa ao Rio2016, junto ao Navio Escola Sagres, em Lisboa, Nelson Évora, campeão olímpico em Pequim2008, diz partir sem pressão para o Rio de Janeiro.

“Eu não tenho nenhum tipo de pressão. O que mais anseio é representar da melhor forma as cores nacionais. (...) Eu já ganhei uma medalha olímpica, não tenho nada que provar. Quero ganhar outra, é a minha grande aspiração para esta época. Antes disso, quero desfrutar ao máximo nos Jogos. Sou dos mais velhos da comitiva, tentar passar testemunho para próxima geração e espero que corra tudo pelo melhor”, afirmou.
Os Jogos Olímpicos Rio2016 decorrem de 05 a 21 de Agosto.


POR PARTE DAS CRIANÇAS
Nádia Cruz apela à prática desportiva


A presidente da Associação dos Atletas Olímpicos de Angola, Nádia Cruz, apelou ontem, sábado, em Luanda, aos pais e encarregados de educação incentivarem as crianças na prática de actividades desportivas, para que possam ter um desenvolvimento mais saudável e tornarem-se futuros atletas do país.

Em declarações à Angop, no acto conjunto entre a instituição, Ministério da Saúde e a Fundação Lwini, no Mausoléu Dr. António Agostinho Neto, também assistido pela Primeira-dama da República, Ana Paula dos Santos, a antiga nadadora afirmou que o início do desporto desde à infância possibilita ter cidadãos mais capacitados e importantes benefícios na sociedade.

“Neste mês da criança, em que também nos unimos ao Ministério da Saúde e a Fundação Lwini, para celebrar o Dia Mundial da Anemia Falciforme, aproveitamos para pedir aos encarregados de educação e pais que levem às crianças aderirem a prática da cultura física e o desporto, o que resulta em grandes benefícios das mesmas e do nosso país”, disse.

Acrescentou que o incentivo ao início destas acções salutares que transmitem comportamentos e valores devem merecer uma atenção especial, logo de tenra idade, principalmente no seio familiar, para que a sociedade tenha homens fortes e capazes de contribuir para o rápido desenvolvimento de Angola.
Também inserido nas manifestações do Dia Olímpico, que se assinala a 23 de Junho, o evento que envolveu centenas de crianças, uma boa parte padecendo de Anemia Falciforme, contou com sessões de ensino e prática do basquetebol e voleibol, protagonizados por alguns actuais e antigos praticantes destas modalidades e membros da Associação.

Destes, realce para o Deputado Carlos Almeida, o médico Agostinho Matamba, Anica Neto, Joaquim Gomes “Kikas”, Leonel Paulo e Gerson Monteiro.
Com fortes ligações ao Comité Olímpico Angolano (COA), a Associação dos Atletas Olímpicos de Angola tem como propósitos promover o olimpismo no país, assim como auxiliar os atletas que estiverem engajados nos jogos olímpicos.