Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Wada critica posio do COI

26 de Julho, 2016

Sir Craig Reedie contra a contrrio deciso de absolvio dos atletas russos

Fotografia: AFP

A Agência Mundial Antidopagem (Wada) criticou o Comité Olímpico Internacional após a decisão de não banir a Rússia dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. A entidade controla as substâncias utilizadas pelos atletas, solicitou a exclusão do país, após o relatório elaborado por Richard McLaren revelar um esquema de doping que envolvia oficiais do governo russo.

Depois da conferência do Comité Executivo do COI, realizada no domingo, a entidade decidiu transferir a responsabilidade para as Federações Internacionais, que estão encarregadas de avaliar os materiais fornecidos pelos atletas, para comprovarem que estão limpos e podem competir no torneio.

De acordo com o COI, atletas russos podem competir nos Jogos Olímpicos desde que provem de maneira convincente, que estão limpos e não têm qualquer tipo de envolvimento com o escândalo de doping que afecta a Rússia. Atletas que foram apanhados em algum exame anti-doping na carreira, não podem participar do torneio.

“A Wada está desapontada por o COI não seguir as recomendações do nosso Comité Executivo, que as tomou baseadas nas descobertas feitas pela investigação liderada por McLaren, que  garantiu uma abordagem directa, forte e harmoniosa”, criticou Sir Craig Reedie, presidente da Wada.