Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Wozniacki bicampe em Estbourne

02 de Julho, 2018

Wozniacki empatou, mas viu Sabalenka sacar outra vez para o set com 5/4.

Fotografia: Dr

Caroline Wozniacki está com moral para a disputa de Wimbledon, que começa a partir de hoje, segunda-feira, com a conquista do título do WTA Premier de Estbourne, torneio  que antecede o Grand Slam inglês. A número 2 do mundo venceu a bielorussa Aryna Sabalenka por 2 sets a 0, com parciais de 7-5 e 7-6 (5), após quase duas horas de duelo.
A conquista marca o bicampeonato, no torneio de Wozniacki,  é o segundo troféu da dinamarquesa na temporada de 2018. A tenista mantem o segundo lugar no ranking mundial,  procura desbancar Simona Halep.
A partida não foi fácil para Wozniacki. Ela começou os dois sets a perder teve de mostrar bom poder de reação. Na primeira série, viu a adversáira abrir 5/3, aproveitou-se  de uma desconcentração de Sabalenka para construir uma reação, salvou dois set-points antes de ganhar quatro jogos consecutivos.
No segundo set, mais uma vez a bielorrussa saiu em vantagem ao abrir 3/1. Wozniacki  empatou, mas viu Sabalenka sacar outra vez para o set com 5/4. A definição foi ao tiebreak e Wozniacki precisou de sangue frio para virar, saiu de 1-4 e 2-5 para 7-5.
Em Wimbledon, Wozniacki estreia-se contra a americana Varvara Lepchenko. Já Sabalenka joga com a romena Mihaela Buzarnescu.
Entretanto, em masculinos, o suíço Roger Federer entra como um dos favoritos, desta vez, ocupa o posto de número dois no ranking mundial.
No torneio, Federer é só uma ostentação. São oito títulos, cinco consecutivos, entre 2003 e 2007. Ele estreia-se diante do sérvio Dusan Lajovic. Outra vez, entretanto, pode ver seu desempenho superado pela boa performance do actual número um do mundo, o espanhol Rafael Nadal.
No ano em que a hegemonia de Federer foi colocada à prova, em 2008, Nadal foi quem triunfou em Wimbledon. Apesar de somar apenas dois títulos no torneio (o outro é de 2010), o espanhol está em crescente,  agora, é dono do primeiro lugar do ranking.
O alemão Alexander Zverev também promete mostrar bom ténis. Seu melhor desempenho em Wimblendon, entretanto, não assusta os rivais mais valentes. Em 2015, chegou apenas à segunda rodada da competição.