Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Yara Lima e Ana batem recordes

Rosa Panzo - 05 de Agosto, 2013

Yara Lima fez a prova de 200 m livres do campeonato mundial de natação

Fotografia: Jornal dos Desportos

A atleta angolana Yara Lima fez a prova de 200 m livres do campeonato mundial de natação com o tempo de 2min16s01 e ficou em terceiro lugar da sua série. A angolana concluiu as eliminatórias na 42ª posição da classificação geral do campeonato do mundo de natação, que encerrou ontem em Barcelona.O tempo de Yara Lima em Barcelona permitiu-lhe bater o recorde nacional júnior, na prova dos 200 metros livres. Yara supera assim o seu próprio recorde nacional estimado em 2min17s51.

Por seu turno, Ana Nóbrega bateu dois recordes nacionais absolutos na prova dos 100 metros mariposa, com o tempo de 1min06s55 que lhe possibilitou a passagem para a prova dos 50m, na qual efectuou a marca de 30s04.Com esses recordes, as angolanas Yara Lima e Ana Nóbrega concretizaram os objectivos da selecção no mundial de Barcelona, que consistia na obtenção de recordes nacionais.Os nadadores Nuno Rola, João Matias, Yara Lima e Ana Nóbrega, orientados pela seleccionadora Maria Andrade “Graça”, representaram Angola no mundial. A delegação angolana foi chefiada pela vice-presidente da Federação Angolana de Natação, Ana Lima.

Efimova bate recorde


A russa Yuliya Efimova sagrou-se ontem campeã mundial dos 50 metros bruços, no Palau Sant Jordi de Barcelona, ao superar a recordista mundial, a jovem lituana Ruta Meilutyte, que teve que se contentar com a medalha de prata.A prova foi muito disputada e Yuliya Efimova nadou em 29 segundos e 52 centésimos, apenas sete centésimos mais rápida que a lituana (29,59 segundos). A americana Jessica Hardy ficou com a medalha de bronze, com a marca de 29,80 segundos.

Esta prova era uma das mais aguardadas do dia, já que o recorde mundial tinha sido batido duas vezes no sábado.Ambas já haviam conquistado um título em Barcelona, Yuliya Efimova nos 200 metros bruços e Ruta Meilutyte nos 50 metros.No sábado, a lituana Ruta Meilutyte, que já havia quebrado o recorde dos 100 metros bruços na semana passada, repetiu a façanha nos 50 metros bruços ao marcar o tempo de 29,48 segundos na semi-final. O feito da jovem adolescente, de apenas 16 anos, deixou a russa Yuliya Efimova, que horas antes havia feito a melhor marca da história, claramente constrangida.

Nas eliminatórias, na manhã do mesmo dia, Yuliya Efimova havia nadado em 29,78 segundos, a melhor marca do Mundo até então. Cerca de cinco horas depois, quando disputava a semi-final ao lado de Ruta Meilutyte, Yuliya Efimova registou 29,88 segundos e passou à final com o segundo tempo. Mas, ao ver o tempo da lituana, ficou com o semblante fechado.

NATAÇÃO
Cielo leva três ouros


O brasileiro César Cielo conquistou a terceira medalha de ouro consecutiva na prova de 50 metros livres masculinos no campeonato mundial de natação em Barcelona. Na cerimónia de entrega de medalhas, o brasileiro Cielo não conteve as lágrimas e chorou “de felicidade”.Cielo é detentor do recorde mundial e marcou um tempo de 21s32, superando o russo Vladimir Morozov, em 15 centésimos, e George Bovell, de Trinidad e Tobago, em 19 centésimos. Morozov percorreu a piscina em 21s47, enquanto Bovell completou o pódio com 21s51.O francês Florent Manaudou, campeão olímpico em Londres no ano passado, terminou em quinto, atrás do norte-americano Nathan Adrian.Cielo conquistou a medalha de ouro nos campeonatos mundiais de Roma, em 2009, e Xangai, há dois anos.

MISSY FRANKLIN
COM QUINTO OURO


A norte-americana Missy Franklin, a grande sensação do Mundial de Natação de Barcelona, conquistou a quinta medalha de ouro na competição e consagra-se bicampeã mundial dos 200m costas, repetindo a façanha de Xangai-2011. A nadadora, de apenas 18 anos de idade, marcou o tempo de 2min4s76, superando a australiana Belinda Hocking (medalha de prata em 2min06s66) e a canadiana Hilary Caldwell (medalha de bronze em 2min06s80). Missy Franklin também tinha levado as medalhas de ouro nas provas de 100m costas, 200 livres e nas provas de estafeta 4x100m e 4x200m livres no Palau Sant Jordi de Barcelona.