Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Comit Organizador prepara recrutamento de voluntrios

Silva Cacuti - 06 de Maio, 2013

Comit Organizador acredita na adeso dos jovens angolanos para oferecerem trabalho voluntrio

Fotografia: Jornal dos Desportos

O comité organizador do 41º Campeonato do Mundo vai começar a partir da segunda quinzena do corrente mês a recrutar o pessoal de serviços e voluntários que vão suportar o evento, anunciou Pedro Azevedo “Chipita”, porta-voz do comité organizador do mundial.

“A partir da segunda quinzena de Maio, princípio de Junho vamos estar envolvidos no processo de cadastramento de voluntários e recrutamento de pessoal. Vamos precisar cerca de 500 pessoas entre voluntários, intérpretes, motoristas, guias e outros”, anunciou.
O responsável justificou o número do pessoal pelo  facto de se projectar a realização de uma bandeira humana e as logomarcas humanas.

Pedro Azevedo disse que neste processo serão tidos em conta os patinadores, tanto com patins em linha como os de 4 e o processo vai incluir praticantes, ex-praticantes e outros patinadores. Na mais recente reunião do comité organizador, realizada na quinta-feira, no Estádio 11 de Novembro, foram apresentadas propostas para as cerimónias de sorteio, abertura e encerramento.

Noutro seguimento o comité organizador apresentou ao ministro dos transportes, Augusto Tomás, uma proposta para a redução de tarifas nos bilhetes da transportadora aérea nacional (Taag) para as delegações participantes no evento. Segundo o ministro do sector, a questão vai ser analisada e poderá ser uma realidade.

Angola, recorde-se propõe-se  realizar o Campeonato do Mundo em duas cidades, Luanda e Namibe. Em relação à cidade do Namibe, é necessário o aval do Comité Internacional de Rink Hockey, que volta a inspeccionar as condições naquela cidade, em Junho. Carlos Alberto Jaime “Calabeto” coordenador do comité executivo do mundial, disse que há engajamento e trabalho no sentido de levar a prova às duas cidades.

O mundial vai ser disputado de 20 a 28 de Setembro, por 16 selecções nacionais que estarão subdivididas em 4 grupos. No grupo A jogarão as selecções nacionais do Brasil, Áustria, Espanha e Suíça. As equipas da Argentina, França, Alemanha e Inglaterra jogarão inseridas no grupo B.

O grupo D integra as equipas de Moçambique, Itália, Chile e EUA. Angola, país anfitrião, África do Sul, Colômbia e Portugal jogarão integradas no grupo C


BREVEMENTE
Nome do Pavilhão vai a concurso público


A designação do pavilhão da província de Luanda, um dos palcos do 41º Campeonato do Mundo de hóquei em patins, a decorrer de 20 a 28 de Setembro deste ano, será encontrado em concurso público, segundo o Comité Organizador da prova (Cohoquei).

 O facto foi revelado à imprensa, durante a reunião da Comissão Interministerial do Cohoquei, realizada quinta-feira, em Luanda, na qual a Angop apurou, que a ideia de realizar um concurso público, visa sobretudo definir a designação do imóvel, que tem a capacidade para 12 mil espectadores antes ou depois da entrega oficial por parte do empreiteiro no mês de Agosto.

 Soube-se igualmente que existem duas alternativas, sendo a primeira em que o Cohoquei vai seleccionar algumas propostas e colocar à votação pública e a segunda em que a responsabilidade será unicamente dos cidadãos que decidirem concorrer, mediante regras a serem definidas.

 No concurso, uma das exigências que podem ser colocadas aos concorrentes será a designação que reflicta a cultura nacional ou a que se identifique com a nação angolana.

 Para o Pavilhão do Namibe, que irá albergar igualmente uma das séries da copa do mundo de hóquei em patins, a situação é a mesma, sendo de total responsabilidade das estruturas desportivas e do governo local. O Pavilhão do Namibe possui capacidade para três mil espectadores.

 Recorde-se que para se encontrar a mascote do evento, o Comité Organizador da primeira prova a realizar-se em África, havia promovido igualmente um concurso público, tendo sido vencedor a proposta “Kaissarinha” em homenagem ao antigo praticante e primeiro atleta do país a enveredar pelo profissionalismo (Caissara).


ZONA DE IMPRENSA
Cabines em conclusão


As cabines reservadas à Comunicação Social, na arena de Luanda palco principal do 41º Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins, a decorrer de 20 a 28 de Setembro deste ano, em Luanda e Namibe encontram-se em fase de acabamento sendo visível as divisórias entre os camarotes para as cadeias televisivas, rádios e tribuna para os profissionais da escrita. 

 Em declarações à Angop, em Luanda, após reunião quinta-feira da Comissão Interministerial do Comité Organizador da prova, o Assessor da administração da empresa de direito nacional encarregue da obra "Omatapalo", Joaquim Fitas, explicou que o piso -1 alberga a sala de conferências de imprensa, de trabalho e ainda a zona de entrevistas rápidas.

 Acrescentou que a tribuna de imprensa localiza-se no piso -1, local em que o som exterior será audível, contrariamente ao lado reservado à TV e Rádios em que as cabines serão insonorizadas.  O responsável que se mostra confiante na conclusão da obra no prazo previsto (Agosto), disse que os trabalhos decorrem já na ordem dos 65 porcento e que o número de funcionários subiu de 400 para 600, dos quais 48 são cidadãos expatriados.


CERIMÓNIA
Patinadores na abertura


Mais de 400 pessoas participarão na cerimónia de abertura do 41º Campeonato do Mundo de hóquei em patins, de 20 a 28 de Setembro em Luanda e Namibe, cujos conteúdos serão representativos da cultura nacional, como máscaras a serem usadas pelos patinadores durante as coreografias, afirmou quinta-feira à Angop, em Luanda, o director comercial da empresa organizadora do acto, António Costa. 

 Falando após a reunião da Comissão Interministerial do Comité Organizador da competição mundial, o responsável da RL2, instituição de direito angolano, vocacionada à promoção de grandes eventos, explicou que a abertura terá três fases, a primeira executada com tecidos e texturas, seguindo-se momentos de percussão com tambores e o logotipo da prova formado por patinadores.

 António Costa disse que os conteúdos foram elaborados, para mostrar a cultura nacional e um país inovador em desenvolvimento.
 Referiu que na realidade estão a ser elaborados temas igualmente para a cerimónia de sorteio em Junho e de encerramento a 28 de Setembro.

 A oitava reunião interministerial analisou ainda a reabilitação dos aeroportos do Namibe e Malanje, o estado de preparação do primeiro evento do género a decorrer em África, saúde, hotelaria e correspondência do Comité Internacional de Rink Hockey (CIRH).  Fazem parte da Comissão Interministerial os ministros da Juventude e Desportos, Comunicação Social, Obras Públicas, Finanças, Interior, Saúde, Hotelaria e Turismo.