Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Comit Organizador trabalha hoje no Namibe

Silva Cacuti - 09 de Abril, 2013

Comit organizador trabalha hoje no Namibe

Fotografia: Jornal dos Desportos

Uma equipa do comité organizador do 41º Campeonato do Mundo que Angola acolhe em Setembro trabalha hoje no Namibe, segundo anunciou Pedro Azevedo, porta-voz do comité organizador da prova.

Segundo o responsável a visita tem como objectivo analisar o cumprimento do cronograma de actividades locais em torno do mundial.

O Namibe tem sido uma das principais preocupações do comité organizador, já que a cidade foi alvo de muitas recomendações por parte da delegação do Comité Internacional de Rink Hóquei (CIRH) que a visitou em Fevereiro.

Entre as recomendações deixadas está a melhoria nos campos de treino e aumento da capacidade de hospedagem na cidade.

Segundo Haros Struckberg, presidente do CIRH, só depois da próxima inspecção a ser feita pela sua instituição é que se definirá se o Namibe está apto ou não para acolher uma das séries do mundial.

No mundial que vai acolher, Angola está no grupo C, ao lado do Chile, Portugal e África do Sul.

A Espanha, campeã do mundo, vai jogar a primeira fase do mundial de 2013 inserida no grupo A, ao lado do Brasil, Suíça e Áustria. O grupo B, que tem a Argentina como equipa mais cotada, integra a França, Alemanha e a Inglaterra. Moçambique, que foi semi-finalista na Argentina, é cabeça do grupo D, em que constam também a Itália, Colômbia e Estados Unidos.
SC


HÓQUEI PATINS
Comissão organizadora do mundial
aguarda disponibilização de verbas


A Comissão Organizadora do Campeonato do Mundo começa a ver-se apertada em relação ao cumprimento de compromissos financeiros respeitantes a reservas de hotéis, passagens aéreas e outros, em virtude da não disponibilização da verba orçamentada para a realização da prova agendada para 20 a 28 de Setembro do ano corrente.

O assunto foi também preocupação apresentada durante a última reunião do Comité Organizador da prova, realizada em Malange, durante a qual, o ministro da Juventude e Desportos, Gonçalves Muandumba, apelou à disponibilização para breve de, pelo menos, 80 por cento do dinheiro orçamentado e aprovado pela Assembleia Nacional.

Os custos da realização da prova estão fixados em 1,6 mil milhões de kwanzas.

“Sabe como são os preços dos hotéis aqui no nosso país e temos pré-acordos e precisamos de cumprir parte destes acordos, por exemplo, além de outros custos inerentes a uma boa organização como a que pretendemos. Estamos a aguardar pela disponibilização desta verba e sentimos já o tempo a pressionar-nos”, disse uma fonte da organização.

Os membros do comité interministerial da organização do 41º do Campeonato do Mundo de hóquei em patins estiveram reunidos na última sexta-feira em Malange, a fim de analisarem o ponto da situação das obras de construção dos pavilhões.

Antes da reunião, a comissão, chefiada pelo ministro da Juventude e Desportos visitou as obras de construção do pavilhão multidesportivo de Malange, com capacidade para acolher três mil pessoas e que albergará a 12ª edição da Taça “Zédu”, o hospital geral e alguns hotéis.

Durante a reunião, foram analisados, entre outras questões relacionadas com o cumprimento das recomendações produzidas na reunião do Namibe, alojamentos, segurança, transporte, convidados, cerimónias de abertura e de encerramento e informações do governo provincial de Malange sobre os preparativos do Troféu José Eduardo dos Santos. Silva Cacuti




TROCA
1º de Agosto reforça ataque
 

O avançado Márcio Fernandes, ex-Petro de Luanda, é o novo jogador da equipa sénior masculina de hóquei em patins do 1º de Agosto para as próximas duas temporadas, soube-se hoje junto do clube rubro e negro.

 Depois de ter estado ao serviço da selecção nacional no torneio internacional de Montreux, na Suíça, o hoquista junta-se ao grupo na próxima semana.
 Márcio vai ter na concorrência, no ataque rubro e negro, os experientes Toy Gaspar, Kaká e José Cardoso ”Zé das Botas”.
 Até à presente data, o jogador é o único reforço confirmado na equipa do Rio Seco.

 Nesta temporada, os “militares” disputarão o torneio de abertura, Taça de Angola e o campeonato nacional. Silva Cacuti