Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Hotis disponveis para delegaes

lvaro Alexandre - 17 de Setembro, 2013

Epic Sana vai acolher durante uma semana e meia os membros da delegao oficial do Comit Internacional de Rink Hockey

Fotografia: Jornal dos Desportos

O Comité Organizador do Campeonato do Mundo de hóquei em patins de 2013 (Cohoquei) tem disponível desde domingo, nas cidades de Luanda e do Namibe, cerca de 12 unidades hoteleiras com reservas asseguradas para hospedar 550 membros das delegações nacional e estrangeiras acreditadas. O 41º Campeonato do Mundo de hóquei em patins vai decorrer de 20 a 28 deste mês.O coordenador da subcomissão de alojamento e alimentação do Cohoquei, Ilídio Cândido, garantiu que está tudo operacional.

“As reservas estão todas feitas. Estão disponíveis, para as delegações participantes, desde o dia 15 do corrente (domingo passado) até ao dia 30. Há selecções que podem chegar mais tarde, mas tudo está acautelado para respondermos com satisfação àquelas situações anómalas ao modelo de organização preparado para o certame”, garantiu.“As unidades oficiais são: Hotel de Convenções de Talatona (HCTA), Hotel Presidente Meridien Luanda, Hotel Epic Sana, Hotel Trópico, Hotel Vitória Garden, Hotel Skina, Hotel Tivoli, Hotel Samba, Hotel Alvalade, Hotel Chik-Chik do Namibe, Hotel Infortur do Namibe e Complexo Turístico Dream Space”, especificou.

Ilídio Cândido disse que não está em condição de precisar com exactidão o hotel em que cada delegação vai ficar hospedada. As acomodações vão ser efectuadas no momento da chegada de cada uma e a indicação vai ser dada de acordo com o número de membros da delegação.“Vai haver hotéis que vão acomodar duas ou três selecções. O Cohoquei preparou as condições hoteleiras para 550 pessoas. Os membros das delegações estrangeiras vão ser acomodados em Luanda desde a sua chegada até ao dia da inauguração do Campeonato do Mundo de hóquei em patins”, esclareceu.Ilídio Cândido esclareceu que após a cerimónia de abertura, cerca de 270 pessoas vão embarcar para a província do Namibe, sede dos grupos B (Argentina, Alemanha, França e Uruguai) e D (Estados Unidos, Itália, Moçambique e Colômbia).

ANGOLA
HCTA é o “Quartel-General”


A Selecção Nacional vai realizar toda a primeira fase do 41º do Campeonato do Mundo de hóquei em patins em Luanda. O Hotel HCTA, localizado no Centro de Convenções de Talatona, é o espaço turístico onde estão alojadas os pupilos de Orlando Graça, seleccionador nacional.O coordenador da subcomissão de alojamento e alimentação do Comité Organizador do Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins de 2013, Ilídio Cândido, disse que Angola está hospedada numa das mais belas zonas de Luanda.

“A Selecção Nacional de Angola está hospedada no Hotel HCTA. O espaço oferece condições agradáveis para o repouso absoluto. A região é praticamente isenta daquele ambiente frenético que se vive intensamente na Baixa de Luanda”, referiu.Angola vai partilhar o convívio, no mesmo espaço, com a Espanha. Além destas duas selecções, o hotel tem quartos reservados para os convidados das duas delegações.

As selecções dos Estados Unidos, França e Suíça foram indicadas para se hospedar no Hotel Epic Sana. No Hotel Vitória Garden estão os membros do Comité Internacional de Rinck Hockey (CIRH), Comité Internacional de Arbitragem (CIA), Federação Internacional de Patinagem (FIRS) e Cohoquei.Ilídio Cândido assegurou que as restantes selecções vão ser acomodadas nos hotéis à medida que forem desembarcando.“Neste momento, não posso afirmar com precisão que a selecção X vai ficar no hotel Y. À medida que vão chegando, o protocolo vai fazer o devido encaminhamento”, conclui. Á.A

EXIGÊNCIA
Unidades hoteleiras
garantem bons serviços


O coordenador da subcomissão de alojamento e alimentação do Comité Organizador do Campeonato do Mundo de hóquei em patins de 2013, Ilídio Cândido, assegurou que as unidades hoteleiras vão oferecer um trabalho personalizado. As obrigações dos responsáveis hoteleiros com o Cohoquei passam pelo fornecimento das três refeições, dormitório e outros benefícios.“Os hotéis com piscinas e ginásios vão estar à disposição dos hóspedes.Toda a gama de serviços normais das instituições vão estar à disposição dos integrantes das selecções”, prometeu.Os serviços extras vão ser da responsabilidade do hóspede.

“Entendemos serem serviços adicionais a encomenda de lanches, refeições servidas nos períodos não convencionais, uso dos produtos expostos na geleira que se encontra em cada quarto e a solicitação do serviço de lavagem de roupa”, advertiu.O sector da hotelaria nacional está a comparticipar no certame com uma baixa de preços dos hotéis indicados pelo Estado para apoiar o Campeonato do Mundo.

“Ficou subjacente que o hotel de cinco estrelas vai cobrar o preço de 30 mil kwanzas, de quatro estrelas tem o custo de 25 mil e de três estrelas foi tabelado em 20 mil kwanzas”, esclareceu. As selecções não vão pagar qualquer outro valor.“Estes valores são definitivos e as direcções dos hotéis não vão exigir outros pagamentos às selecções que solicitaram os seus serviços”, disse.A redução dos preços praticados pelo sector hoteleiro, explicou, resulta de uma ordem dada pelo Executivo nesse sentido.A organização do Cohoquei assume na totalidade dos custos de 21 membros de cada delegação estrangeira. Nos lugares disponíveis para cada delegação estão contemplados os atletas, a equipa técnica e os dirigentes. A selecção que trouxer o 22º membro vai assumir as despesas. ÁLVARO ALEXANDRE