Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Mundial de 2013 em Setembro relana a modalidade no pas

Gaudncio Hamelay, no Lubango - 20 de Abril, 2013

Angolanos acreditam no sucesso do cinco nacional

Fotografia: Jos Soares

A realização do 41º Campeonato do Mundo de Hóquei em patins em Angola em Setembro próximo, nas cidades de Luanda e Namibe, é o momento ideal para divulgar e relançar a modalidade a nível das províncias onde ainda não se faz sentir a patinagem.

A opinião é do presidente da Associação Provincial de Patinagem da Huíla, Hernâni Santos, tendo acrescentado que a modalidade actualmente é praticada em apenas quatro ou cinco províncias. Por isso, é altura de estender o hóquei em patins a mais províncias. Avançou que mesmo nas províncias onde se desenvolve a patinagem, há poucos clubes, tendo citado como exemplo a província da Huíla.

“Não haverá outro momento para que se aproveite todos esses ganhos e movimentação em torno do mundial para relançar a modalidade a nível do país. Acredito ser o momento ideal com injecção de muito material a nível da massificação e aumentar o número de equipas e de províncias a praticar. Só assim podemos dar o salto grande que se impõe a nível das nossas participações em campeonatos mundiais”, argumentou.

O dirigente sublinhou que se o hóquei em patins continuar a ser praticado num número restrito de províncias, a qualidade não aparece. Hernâni Santos sustentou que a qualidade só aparece na quantidade. Disse que se todos estes pormenores forem prontamente acautelados, a modalidade vai crescer e depois do mundial o país tem uma palavra a dizer “a nível das nossas classificações nas participações dos campeonatos mundiais”.

 Hernâni Santos referiu que no tocante à participação da Selecção Nacional na prova, ela tem a obrigatoriedade de fazer o melhor campeonato possível, pois o factor “casa” conta muito. O dirigente adiantou ser um grande trampolim para melhorar a classificação e não só.

“Temos acompanhado a preparação feita até à presente data. O “cinco” nacional está a fazer excelentes resultados. Já ganhou um torneio na Argentina e um terceiro lugar em Montreux no torneio da Páscoa. Isso são indicadores de que a Selecção Nacional está num bom caminho”, frisou.

Hernâni Santos destacou que se continuarem nesse ritmo, acredita que por altura da disputa do mundial Angola pode fazer o melhor campeonato de sempre, melhorando a última classificação obtida (o sexto lugar) e quiçá chegar ao pódio.

“Se continuarmos assim com todo esse movimento, apoio e envolvência, a selecção de Angola pode chegar ao pódio, ficar entre os três melhores. Se ficarmos em quarto lugar já é muito bom. Mas espero que com todo esse movimento, apoio e envolvência que vamos assistindo, Angola pode chegar ao pódio. E o pódio para mim e tenho fé, é o terceiro lugar, muito bom para o país”, salientou.


CAMPANHA
Huíla trabalha na mobilização


O presidente da Associação Provincial de Patinagem da Huíla, Hernâni Santos, afirmou que o órgão que dirige trabalha na mobilização da população huilana para que por altura do mundial aflua em massa no Namibe para permitir festejar com euforia as emoções do evento.

 Hernâni Santos apontou haver uma série de acções que facilitam contribuir na organização do mundial com êxito. “Já estamos a desenvolver algumas actividades em prol da divulgação e promover o mundial com a realização de torneios a nível local. A nível nacional, assim que sejamos convocados, estamos prontos”, garantiu.

O dirigente anunciou que ainda sem data confirmada, aguarda-se na Huíla a presença da mascote do mundial para ser apresentada ao público, praticantes e aficionados da modalidade.

 Hernâni Santos adiantou que é mais uma actividade de publicitação e promoção do mundial para que os angolanos estejam envolvidos na actividade de grande dimensão internacional. “É nesse sentido que digo que estamos prontos”, sublinhou.


TÉNIS DE MESA
Huíla apura atletas para Zonal Sul


A Associação Provincial dos Desportos Individuais da Huíla faz disputar hoje no Lubango, um torneio de ténis de mesa nas categorias de cadetes e de juniores em ambos os sexos para apurar os representantes da província no zonal Sul. A competição movimenta 100 atletas em representação do Sporting do Lubango,  Desportivo da Huila, Clube de Ténis de Mesa da Huíla , Grupo Desportivo os Kilambas, Águias Sport Clube do Calumbiro, Benfica do Lubango, além de atletas individuais.