Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Namibe realiza curso para guias turísticos

02 de Junho, 2013

Candidatos que residem nas regiões onde se localizam os pontos turísticos têm prioridade

Fotografia: Jornal dos Desportos

Um curso para guias turísticos realiza-se este mês no Namibe, com vista o campeonato do mundo de hóquei em patins, marcado para Setembro em Angola.

Em declarações à Angop a fim de abordar o estado de preparação do evento mundial a cerca de 100 dias do início, a directora da hotelaria e turismo da província do Namibe, Amélia de Jesus Camunheira, explicou que a formação contará com 60 pessoas e tem duração de um mês.

Adiantou que a empresa que vai dar a formação vem de Luanda e a selecção dos candidatos é da responsabilidade das associações juvenis locais, com quem reúnem amanhã.

Referiu que priorizam os candidatos com domínio das línguas locais e residentes nas região onde se localizam os pontos turísticos. Os guias turísticos vão trabalhar com intérpretes devido ao facto de apenas quatro das 16 selecções participantes falarem português. A data de início do curso ainda não foi fixada, segundo a directora, porque depende da informação dos formadores.

Este é o primeiro curso do género na província, e estes 60 elementos são os primeiros especialistas do sector na província.
O Namibe é a par de Luanda a sede do 41º campeonato do mundo de hóquei em patins, a disputar-se de 20 a 28 de Setembro.


Turismo

Navio com material para hotel retarda chegada


Falhou quinta-feira a data prevista da chegada do navio que transporta para o Namibe o material de acabamentos do hotel Infortur, em construção para servir o campeonato do mundo de hóquei em patins em Setembro deste ano em Angola. Esta informação prestada pela directora provincial da hotelaria e turismo, Amélia de Jesus Alberto Camunheira, em entrevista a Angop para apresentar o estado do sector no âmbito dos 100 dias do início do evento desportivo mundial.

“Aguarda-se ansiosamente pela vinda do navio que traz parte dos acabamentos, nomeadamente portas e janelas. Este navio devia atracar quinta-feira. Penso que dentro de dias ele está a atracar no porto do Namibe”, disse a responsável. Amélia Camunheira mostrou-se optimista, ao considerar que caso o carregamento chegue nos próximos dias, os acabamentos podem ser feitos num período máximo de 30 dias.

As obras do hotel iniciaram em Novembro de 2009 um investimento do Ministério da Hotelaria e Turismo. A infra-estrutura vai contar com 126 quartos, áreas de estacionamento para 140 viaturas, uma piscina, áreas de lazer e uma sala de conferências. Esta unidade hoteleira vai ser sujeita a última inspecção das autoridades do Rink Hockey mundial na última semana de Junho. Nessa altura, deve andar pelos 70 porcentos da obra executada.

A chegada deste carregamento vai permitir a montagem completa do equipamento que o hotel necessita e assim concluir a obra, segundo o empreiteiro.