Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Pausa da Seleco Nacional d lugar s provas nacionais

Silva Cacuti - 03 de Abril, 2013

Mrcio Fernandes ajudou a seleco a conquistar o 3 lugar no Torneio das Naes

Fotografia: Jornal dos Desportos

Bom drible, braços longos que permitem fácil recuperação de bola e familiaridade com a baliza adversária são os atributos de Márcio Fernandes, jogador de selecção nacional que assinou pelo 1º de Agosto para a nova época que foi aberta a 10 de Março com a disputa da supertaça João Garcia, entre as equipas da Académica de Luanda e o Petro de Luanda.

Formado nas escolas do Petro de Luanda, Márcio esteve presente na apresentação do plantel petrolífero para a presente época, mas já era um jogador livre, com contrato expirado.

Apareceu o 1º de Agosto e “fechou o negócio” com o jogador, enquanto a direcção petrolífera estava a confiar no cordão umbilical que ligava o atleta ao clube.
“Também estamos surpresos com a indicação de que ele assinou por outro clube, estamos a esperar que ele regresse porque contamos com ele”, disse uma fonte do departamento da modalidade na equipa do Eixo-vário.

O jogador chegou ontem, vindo de Montreux, onde ajudou a selecção nacional a conquistar o bronze inédito na Taça das Nações e deve apresentar-se no clube militar para trabalhar às ordens do português António Gaspar.

O hóquei em patins voltou a fazer parte do leque de modalidades do clube central das Forças Armadas Angolanas na época de 2010. No ano passado, a equipa militar quedou-se na quinta posição da tabela classificativa.

O surgimento da equipa do Sagrado Coração de Jesus é outra novidade da pré-época luandina. A nova equipa já tem contactos com a associação provincial de patinagem e vai entrar na prova de seniores.

A equipa é maioritariamente formada por alguns hoquistas que representaram o Benfica de Luanda.

O torneio de abertura, que poderá ser disputado já no pavilhão nº1 da Cidadela Desportiva, vai marcar também o regresso do antigo seleccionador nacional Fernando Fallé. O técnico português vai orientar a equipa do Juventude de Viana.

Manuel Cabral, da associação, disse que a instituição debate-se com a falta de recintos desportivos para começar a disputa do torneio de abertura.


PROGNÓSTICO
Português vaticina pódio para Angola


Angola tem potencial para classificar-se entre as três primeiras selecções no 41º campeonato do mundo de hóquei em patins, a ter lugar de 20 a 28 de Setembro próximo, afirmou à Angop, na Suíça, o seleccionador de Portugal, Jorge Lopes.

Questionado sobre as possibilidades do país anfitrião do mundial, Jorge Lopes foi peremptório ao apontar o pódio como meta para os angolanos, argumentando que tem notado, de um tempo a esta parte, grande evolução nos trabalhos da selecção nacional.

Referiu como exemplos o terceiro lugar obtido, domingo, no torneio internacional de Montreux, na Suíça, e as conquistas de uma prova do género na Argentina (Vindima) e do torneio “José Eduardo dos Santos”, ambas em 2012.

“Estou atento ao trabalho realizado pela equipa angolana e acredito numa surpresa, também pela condição de anfitriã”, disse, adiantando haver indícios de prestação positiva na copa do mundo que Luanda e Namibe vão acolher se for levado em conta as últimas participações em eventos internacionais.