Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Publicidade do Mundial chega às unidades militares

Manuel de Sousa - 04 de Agosto, 2013

Publicidade da 41ª edição do Campeonato do Mundo já é uma realidade na província do Namibe um dos palcos da prova

Fotografia: Jornal dos Desportos

A Associação Provincial de Patinagem do Namibe realizou sexta-feira uma maratona desportiva na base logística militar número três BCA, situada na localidade do Saco Mar, no quadro do seu programa de divulgar o 41º Campeonato do Mundo, que o país organiza em Setembro próximo.

Na base logística militar os membros da Associação ofereceram brindes aos militares daquela unidade, que foram ainda presenteados com uma exibição de patinagem por parte de atletas juniores e juvenis do Atlético do Namibe.

O presidente da Associação Provincial da modalidade, Zeferino Guto, disse na ocasião que a actividade enquadra-se na publicidade do mundial de hóquei em patins e também no programa de levar a modalidade junto das comunidades e instituições públicas, militares e outras.

“Esta é a nossa primeira actividade de campo no cumprimento da orientação do governador da província, Rui Falcão, em começar com as actividades de marketing e publicidade a partir do dia 1 de Agosto. Esta é uma resposta. Começámos aqui nesta unidade militar e vamos seguir para outras”, disse.

Enquadrado nos festejos da cidade do Namibe, a assinalar-se no dia 4 deste mês, a Associação tem marcado para amanhã uma actividade de massas no piso do Sporting.

Estão agendadas partidas com equipas da província da Huíla, segundo o presidente Zeferino Guto, que assegura ter recebido já um convite para participação num torneio inter-provincial alusivo às Festas da Nossa Senhora do Monte.

O tenente-coronel João Chinguita, segundo comandante para a área patriótica da unidade militar, disse que este tipo de acções é benéfico.

INAUGURAÇÕES
Comité organizador
prepara cerimónia


O Comité Organizador do 41º Campeonato do Mundo de hóquei em patins tem as atenções viradas para a preparação das cerimónias de inauguração dos três pavilhões erguidos no âmbito do 12º torneio internacional “Troféu José Eduardo dos Santos” e do “mundial” da modalidade.

O pavilhão de Malange, designado “Palanca Negra”, palco do torneio José Eduardo dos Santos, de 22 a 25 do corrente, vai ser o primeiro a ser inaugurado, a 12 do corrente. O recinto tem três mil lugares.

A inauguração do pavilhão do Namibe, designado “Welwitchia Mirabilis”, construído para acolher duas séries do campeonato mundial, está prevista para 6 de Setembro. O recinto tem três mil lugares.

O maior dos três pavilhões é o de Luanda, que aguarda ainda a atribuição de uma designação oficial e tem 12 mil lugares. O recinto vai ser inaugurado a 17 de Setembro.
O Pavilhão de Luanda vai ser palco das cerimónias de abertura e de encerramento do Campeonato do Mundo. Os quartos-de-final da prova vão ser também disputados no recinto, enquanto as classificativas do nono ao 16º lugar terão lugar no Pavilhão da Cidadela.

O campeonato mundial vai ser disputado por 16 equipas distribuídas por quatro grupos. No âmbito da disputa do Campeonato do Mundo foram erquidos três pavilhões de raiz, nas províncias de Luanda, Namibe e Malanje.


MUNDIAL
António Leal põe em destaque
benefícios do Campeonato


O treinador de futebol de salão, António Leal, sublinhou ontem no Lubango que Angola tem granjeado ao longo dos tempos uma boa expressão na modalidade de hóquei em patins a nível internacional.

 Por essa razão, António Leal acredita que em termos competitivos, o “cinco” nacional vai estar bem classificado. “A Selecção Nacional já tem uma expressão internacional vincada. Não há dúvida nenhuma quanto a isso. Sabemos que vêm equipas tradicionalmente fortes, mas Angola já jogou muito bem com uma parte das equipas que participam no Campeonato Mundial”, afirmou.

 De acordo com o técnico da equipa de futsal da União Desporto e Amizade (UDA) da Huíla, o importante para fazer boa campanha neste certame é não temer os adversários, mas enfrentá-los para evoluir cada vez mais.

  António Leal disse que a realização do Mundial no país só traz benefícios para o povo angolano e aos praticantes de hóquei em patins e de outras modalidades no geral, que têm a oportunidade de poder ver algumas selecções internacionais em actuação com a nossa. 

Outro ganho em albergarmos a primeira prova no continente africano é proporcionar aos jovens o gosto pela prática da patinagem. “É muito bom que Angola organize seja qual for o acontecimento desportivo de qualquer modalidade. Neste caso, o hóquei em patins, que é uma modalidade muito evoluída internacionalmente. É de dar os parabéns à organização do Mundial de Hóquei”, manifestou.

 A finalizar, António Leal avançou que com a disputa do Campeonato Mundial, Angola é a sala de visitas durante a disputa da prova.
       Gaudêncio Hamelay, no Lubango


TAÇA ZÉ DU
Angola começa defesa
do título diante do Brasil


A Selecção Nacional sénior masculina de hóquei em patins começa a defesa do título do torneio internacional José Eduardo dos Santos, a decorrer em Malange de 22 a 25 do corrente mês, ao defrontar a sua similar do Brasil. A prova, que visa saudar o 71º aniversário do Presidente da República, a 28 do corrente mês, vai reunir quatro equipas, das quais as Selecções Nacionais de Angola e Brasil, que se preparam para disputar o Campeonato do Mundo de 20 a 28 de Setembro nas cidades de Luanda e Namibe. Em 2012 a competição teve como palco a cidade do Huambo e a Selecção Nacional derrotou na final a sua similar do Chile por 3-1.

Eis o calendário completo: Dia 22- 16h00/Liceu de la Corunha- Andes Talleres, 18h00/Angola- Brasil; Dia 23- 16h00/Brasil -Liceu de la Corunha, 18h00/Andes Talleres- Angola; Dia 25- 16h00 Andes Talleres/Brasil, 18h00 Angola/Liceu de la Corunha.