Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

1º de Agosto e Petro jogam mais uma final

?lvaro Alexandre - 21 de Julho, 2017

Pupilas de Morten Saubak superaram as comandadas de Viavaldo Eduardo na fase regular

Fotografia: José Cola | Edições Novembro

As formações do 1º de Agosto e o Petro de Luanda disputam amanhã, às 18h15, no Pavilhão Principal da Cidadela, a final da 39ª edição Campeonato Nacional de andebol em seniores femininos. 

As militares do Rio Seco, vencedoras da fase regular da aludida competição, com 12 pontos, garantiram o passe para a final ao derrotarem ontem, no mesmo recinto, o Atlético Sport Aviação, por 23-12, ao passo que as petrolíferas da capital, segundas classificadas, com 10 pontos, vergaram as marinheiras, por 28-21.

No primeiro confronto, a formação do 1º de Agosto foi superior em todos os aspectos. As meninas do treinador dinamarquês derrotaram com toda a facilidade as comandadas de Aristides Alberto.

Depois de ter sido superada na fase regular, por 18-26, Vivaldo Eduardo vai procurar montar amanhã, sábado, uma estrtátegia que seja capaz de contrariar o favoritismo do Clube Central das Forças Armadas Angolans, actual campeã nacional em título.

Entretanto, a formação do Agosto entra na corrida atrás da confirmação da sua supremacia comprovada no primeiro turno. O Petro de Luanda vai tentar anular o sonho das militares, arrastando o troféu para o eixo-viário.

Entretanto, hoje, sexta-feira, para as classificativas do terceiro lugar, o Atlético Sport Aviação ASA defronta, no Pavilhão Principal da Cidadela, a partir das 15h15, a formação da Marinha de Guerra.

A Casa Pessoal do Porto de Lobito ocupou a quinta posição do nacional. As portuárias do Lobito garantiram o quinto posto, ao despacharam a sua congénere do Electro do Lobito,  por 25-22.

MILITARES VERGAM
EQUIPA CABINDENSE

A equipa sénior masculina de andebol do 1º de Agosto, derrotou ontem, no Pavilhão Principal da Cidadela, a Organização Joyce de Cabinda, por 29-14, em partida referente a segunda da segunda volta da 39ª edição do Campeonato Nacional.

Os Militares foram para a quadra de jogo determinados a exibirem o sistema defensivo 5-1 (5 atletas entre a linha dos 6 e 7 metros e 1 atleta na linha dos 9 metros), provocando fácil domínio do seu adversário, tendo conseguido uma vantagem confortável ao intervalo de 11 golos (17-6).

No segundo período, a formação do Rio Seco mantive o ritmo do jogo aplicado na fase inicial e no final das contas triunfou por 29-14. Ainda ontem, a formação do Grupo Desportivo Interclube vergou a Marinha de Guerra, por 22-21, quando ao intervalo os polícias perdiam, por 6-11.

Entretanto, com a sétima vitória consecutiva, o 1º de Agosto continua na liderança do nacional masculino, agora com 12 pontos. Na segunda posição encontram-se o Interclube Clube, 12. Nos lugares imediatos estão a Marinha, seis pontos,  Petro, com dois e Organizações Joyce de Cabinda, sem qualquer ponto.

A nona e penúltima jornada disputa-se hoje, a partir das 17 horas, no Pavilhão da Cidadela. A ronda vai ser de relaxe para os principais concorrentes ao troféu. Os técnicos vão aproveitar rodar os seus planteis. A Organizações Joyce de Cabinda defronta a Marinha de Guerra e o Petro  de Luanda enfrenta o 1º de Agosto, líder inquestionável do certame.