Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angola vence Portugal no Torneio 40 anos

01 de Março, 2015

Angola vence Portugal no Torneio 40 anos

Fotografia: Santos Pedro

Em parte foi a desforra, porque as tugas atreveram-se, em Gaia, a vencer as comandadas de João Florêncio, num recente estágio realizado em Portugal. Mas em causa estava a preparação para o pré-olímpico e impunha-se a demonstração de que a equipa está preparada para tal empreitada.

Ao intervalo, já havia vantagem angolana de 19-9. Comparado como primeiro jogo a equipa fez melhorias defensivas, principalmente na posição de guarda-redes, onde Maria Pedro exibiu -se ao mais alto nível e, quando foi substituída, Bá não defraudou. ANGOLA deu primazia ao ataque planeado.

Na zona central Natália Bernardo, ora Luísa ou mesmo Rossana Quitongo, cada uma delas mostrava serviço. Azenaide Carlos era uma bazuca apontada para a  baliza portuguesa. Foi a melhor marcadora da partida com 8 golos.

Sandra Fernandes, treinadora portuguesa estava desorientada. Deslumbrou-se com a vitória diante do Brasil e julgou que podia com as rainhas africanas. A solução foi barafustar com a arbitragem, um bode expiatório que não rende diante das evidências na quadra de jogos.

João Florêncio, seleccionador nacional, estava sereno. Uma a uma, rodou todo o plantel à disposição. Fez descansar aquelas que tinham entrado no sete inicial. O resultado estavas feito.

ESPERANÇAS
PERDEM COM BRASIL
A Selecção Nacional de esperanças perdeu ontem, 25-30, diante da congénere do Brasil, numa partida em que evidenciaram capacidade defensiva, embora, do ponto de vista ofensivo, tenham encontrado algumas dificuldades para transpor as linhas defensivas brasileiras.

Ao intervalo já a superioridade das Sul americanas se reflectia no marcador. O placard  estava pintado com 16-11 a favor das visitantes. No reatamento a equipa nacional melhorou o ataque, teve mais paciência, mas as linhas defensivas do Brasil não permitiam muito.

Entretanto, Pedro Neto, treinador da equipa B Angola, considerou positivo a entrega das suas pupilas. “Penso que para uma equipa que está a ser  projectada para o futuro estivemos muito bem. A equipa jogou de igual para igual, portou-se muito bem". Morten Soubak, treinador do Brasil, enalteceu o empenho da sua rapaziada. “Jogo bastante equilibrado, o Brasil esteve bem, apesar da lesão das duas jogadoras chaves".


FICHA TÉCNICA


 ANGOLA (A)
2- Ana Barros, 3- Iovania Quinzole, 4- Marta Dos Santos, 5- Iracelma Silva (1 ),7- Elizabeth Caílo (1), 8- Lurdes  Monteiro (4), 11- Luísa Kiala (4 ), 12- Teresa Almeida, 13- Matilde André (1), 14- Natália Bernardo (5),  15- Azenaide Carlos (8),  16- Maria Pedro, 17- Wuta Dombaxi (4), 18- Lisandra Salvador (4), 19- Rossana Quitongo(2)
Treinador: João Florêncio
 
Portugal
1-Isabel Gois, 2- Mariana Lopes (2 ), 3- Rita Alves, 4- Cláudia Aguiar (2), 5- Patrícia Rodrigues (3 ), 7- Bebiana Sabino (1), 8- Neusa Valente (2),  9- Ana Gante (1),  10- Ana Andrade (1), 11- Mónica Soares (1), 13- Soraia Lopes (2), 14- Renata Tavares ( 3), 15- Catarina Ascensão (1), 17- Eriça Tavares (1), 19 - Patrícia Lima (2 ), 22- Diana Roque
Treinadora : Sandra Fernandes.