Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Controlos Antidoping nos campeonatos Nacionais

Silva Cacuti - 03 de Julho, 2017

Atletas nacionais estão proibidos do consumir produtos sem a autorização das equipas médicas das agremiações desportivas

Fotografia: kindala Manuel | Edições Novembro

Os atletas que disputem os 39º Campeonatos Nacionais, seniores masculino e feminino vão ser submetidos a testes antidoping. A decisão foi anunciada por Pedro Godinho, presidente da Federação Angolana de Andebol (Faand), durante a cerimónia de sorteio dos eventos desportivos.

A realização de testes antidoping não é novidade nas provas nacionais. Em 2015, a Federação Angolana procedeu a testes aos atletas. Na edição passada, também disputada em Luanda, não foram anunciados nem realizados testes.

Pedro Godinho justificou a realização de testes com a proximidade das competições importantes quer para a selecção feminina que joga o campeonato do mundo este ano, na Alemanha, quer para a equipa masculina que joga o campeonato africano, em Janeiro de 2018.

"Queremos inibir os nossos atletas do eventual uso, consciente ou não, de fármacos que possam dar positivo em testes antidoping", argumentou.

As provas nacionais disputam-se de 10 a 23 de Julho, no pavilhão principal da Cidadela Desportiva. Na classe masculina estão inscritas seis equipas e jogam a prova no sistema de todos contra todos a duas mãos. Além do campeão nacional, 1º de Agosto, vão jogar o Interclube, Marinha de Guerra, Organizações Joice de Cabinda, Petro de Luanda e Progresso da Lunda Sul.

A primeira jornada compreende os jogos 1º de Agosto - Progresso da Lunda Sul, Petro de Luanda - Marinha de Guerra e Interclube - Organizações Joice de Cabinda.

A prova feminina vai ser disputada em duas fases. Na primeira, as equipas jogam no sistema "todos contra todos" a uma mão e as primeiras quatro classificadas apuram-se para a meia-final, jogada no sistema cruzado: 1ºX4º e 2ºX3º. A final vai ser jogada em partida única.

Estão inscritas na prova feminina o campeão nacional 1º de Agosto, Marinha de Guerra (vice -campeã), Petro de Luanda, ASA, Progresso  Sambizanga, Casa do Pessoal do Porto do Lobito (CPPL) e Electro do Lobito.

A primeira jornada compreende as partidas: 1º de Agosto -CPPL, ASA - Electro do Lobito e Petro de Luanda - Progresso da Lunda Sul. A Marinha de Guerra folga na ronda inaugural pot força do calendário.