Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Dia da modalidade atarefa praças

Silva Cacuti - 11 de Maio, 2017

Equipa sénior feminina declinou o convite para participar das actividades festivas dos 400 anos da cidade de Benguela

Fotografia: Jornal dos Desportos | Edições Novembro

As províncias de Luanda e Benguela, principais praças do andebol nacional, destacam-se na organização de actividades comemorativas do dia nacional do andebol que se assinala a 20 do corrente.

Em Benguela, a data vai ser marcada com a disputa de um torneio designado \"Benguela 400 anos\", em juvenis, enquanto em Luanda está agendada uma maratona de jogos do escalão de iniciados a juniores.

Para o \"Benguela 400 anos\" que se disputa nos dias 19 e do corrente, estão inscritas oito equipas, além das locais, outras do Namibe, do Huambo e de Luanda, segundo Rui Ferreira, presidente da associação local.

\"Vamos ter um torneio com oito equipas, convidamos o 1º de Agosto e outras equipas de Luanda, o Yona e o Atlético do Namibe, e o Petro do Huambo. Das equipas de Benguela, está inscrita a Casa do Pessoal do Porto do Lobito, o núcleo do 1º de Agosto, Académica do Lobito e um misto de Benguela.
O torneio, destacou, insere-se também nos festejos dos 400 anos da cidade de Benguela que se assinalam a 17 deste mês.

Em Luanda Simão Cassule, presidente da associação refere que a maratona vai juntar mais de 250 atletas no pavilhão anexo à Cidadela Desportiva.
\"Em princípio não vamos ter jogo entre ex-praticantes, como temos tido. Vamos juntar numa maratona equipas de iniciados, juvenis e juniores. Por isso prevemos uma festa que vai juntar mais de 250 atletas\", revelou.

Todas as associações provinciais de andebol cumprem um instrutivo da federação no sentido de realizarem actividades comemorativas do 20 de Maio.
Nesta data, em 1974, jovens entusiastas, entre eles Manuel da Costa, Macias, Ernesto Lara, Irmãos Almeida, Dantas Cardoso, José Cardoso, Marcelino Lima, Espírito Santo; manifestaram o seu interesse pela modalidade materializaram um projecto de massificação que culminou com a criação dos primeiros núcleos de andebol, nomeadamente o Neves Bendinha, INEF, Sporting e Ferroviário.

PETRO DE LUNADA
DECLINA CONVITE


A equipa juvenil feminina do Petro de Luanda declinou o convite feito pela associação de Benguela para a participação no torneio \"Benguela 400 anos\", segundo o responsável daquela associação.

\"Queríamos contar com outras equipas de Luanda, infelizmente apenas o 1º de Agosto se mostrou disponível. Convidamos o Petro de Luanda e o Progresso do Sambizanga que alegaram falta de condições para fazer deslocar suas equipas para Benguela. A presença destas equipas havia de dar outra grandeza ao torneio, ainda assim perspectivamos um torneio muito bom e competitivo com as equipas que confirmaram presença\", comentou Rui Ferreira.