Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Dirk Nowitzki faz história

09 de Março, 2017

Basquetebolista afirmou que queria acabar a carreira com a camisola dos Mavericks

Fotografia: AFP

O alemão Dirk Nowitzki, o primeiro europeu a receber a distinção de jogador mais valioso (MVP) da época, em 2011, entrou no grupo restrito de jogadores que superaram os 30.000 pontos, na Liga Norte-americana de Basquetebol. Na visita aos Los Angeles Lakers, o germânico precisava de 20 pontos,  para atingir a mítica barreira dos 30.000, contribuiu para a vitória dos Dallas Mavericks com 25 pontos e 11 ressaltos, superou a barreira durante o segundo dos quatro períodos.

A partir de agora, só seis jogadores ultrapassaram a marca dos 30.000 pontos, na NBA. Nowitzki juntou-se neste grupo a Kareem Abdul-Jabbar (38.387), Karl Malone (36.928), Kobe Bryant (33.643), Michael Jordan (32.292) e Wilt Chamberlain (31.419).

Na semana passada, o basquetebolista alemão afirmou que queria acabar a carreira, com a camisola dos Mavericks, clube que representa desde 1998. A época de 2017-2018 será a última do germânico, que cumpre a 19.ª temporada pela equipa texana.

No confronto com os Lakers, Nowitzki foi mesmo o melhor marcador do embate, à frente de dois jogadores dos Lakers: D’Angelo Russel e Jordan Clarkson, ambos com 22 pontos. LeBron James, um dos mais conhecidos jogadores da modalidade, já deu os parabéns ao seu \"grande amigo\".

\"Estou a ver o jogo, agora mesmo! Parabéns pelos 30.000 pontos. Muito eficiente esta noite. Era impossível eu perder este momento.
Parabéns\". \"Espero poder juntar-me a ti um dia, amigo\", disse o basquetebolista norte-americano, que interrompeu o jantar com a família para dar os parabéns ao jogador alemão.