Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Militares e petrolferas decidem o provincial

Silva Cacuti - 13 de Junho, 2019

Petro de Luanda e 1 de Agosto vo animar as meias-finais

Fotografia: Vigas da Purificao | Edies Novembro

Três equipas militares e o Petro de Luanda completam o quadro das meias finais do campeonato provincial sénior feminino de Luanda, que hoje é disputado no pavilhão multiusos Paulo Bunze, afecto ao 1º de Agosto, clube central das Forças Armadas Angolanas. Trata-se das equipas do 1º de Agosto, 1º de Agosto B e Marinha de Guerra.

As duas equipas do 1º de Agosto quedaram-se na primeira e segunda posições, enquanto as petrolíferas e as marinheiras acabaram a primeira fase da prova em terceiro e quarto lugares.O regulamento da competição impõe, para esta fase final, que o primeiro classificado cruze com o quarto, enquanto o segundo e o terceiro se defrontam também pelo passe à final.

Hoje, às 17h00, o 1º de Agosto defronta a Marinha de Guerra, numa partida em que tem todo o favoritismo. Ao longo da primeira fase, jogada em quatro voltas, as marinheiras nunca chegaram a equilibrar as paridas diante das \"manas\", pelo que, é pouco crível que hoje se arrojem a tanto. A equipa central tem os melhores índices e pode fazer as contas para a final do próximo domingo.

No segundo jogo do dia, o Petro de Luanda vai procurar redimir-se da derrota \"na secretaria\", que pontuou para a última ronda da fase regular. As agostinas ganharam de falta de comparência por falhas de comunicação nas hostes petrolíferas. Hoje, têm a oportunidade para mostrar o que valem em campo. É o tudo ou nada para a equipa militar, que tem a vantagem de conhecer melhor a quadra em que vai jogar.

Depois do electrizante jogo entre Petro de Luanda e 1º de Agosto, para encerramento da primeira fase, que se saldou em empate a 19 golos, as emoções têm sequência hoje na disputa da meia-final. As equipas do ASA, Progresso Sambizanga e do Desportivo Maculusso ocuparam os lugares subsequentes.

A final da prova está marcada para domingo, na Cidadela Desportiva. Enquanto isso, o Interclube desalojou o 1º de Agosto da condição de campeão provincial na classe masculina. No jogo de decisão, os polícias foram mais felizes e bateram os rivais por suficientes 20-19.

Na sua primeira época ao serviço do Interclube, o \"internacional\" Cláudio Lopes, ex-1º de Agosto, mostrou credenciais e marcou 58 golos. Nenhum outro atleta marcou tantos golos na competição. A Marinha de Guerra completou o pódio e o Petro de Luanda acabou a prova na quarta posição.

Gestão
Treinadores uniformizam procedimentos


O ensino e a prática do andebol em Luanda pode ser fortemente influenciado pelo curso de treinadores de nível 1 que a cidade acolhe até o próximo sábado. A acção formativa conta com a participação, além de estudantes, de antigos praticantes e de treinadores dos escalões etários mais baixos. A ideia foi defendida por Baiano dos Santos, antigo praticante e treinador do Petro de Luanda, participante da formação.\"Estamos a ver coisas novas e tirar dúvidas daquilo que não entendíamos. Aqui, estamos a ter as certezas. Vamos continuar a aprender e a interagir.

Temos a oportunidade de ouvir a experiência de outros treinadores e poder desenvolver e influenciar àquilo que temos feito nos nossos clubes\", disse.O treinador valoriza a iniciativa da Associação Provincial de Andebol e da Associação de Treinadores de Andebol de Angola que co-organizam a formação.
\"É uma iniciativa boa das duas instituições. Nós, os treinadores, estamos carentes dessas acções formativas. Só temos de nos regozijar. Encontros como este melhoram a nossa percepção em termos de organização do treino\", destacou.

A formação decorre no anfiteatro Paulo Bunze, da Federação Angolana de Andebol, desde terça-feira. Hoje, o programa prevê prelecções sobre a técnica e a táctica defensiva.Ontem, os formandos aprenderam sobre a Medicina Desportiva, tema apresentado por João Mulima, director do Instituto Nacional de Medicina Desportiva.Ainda ontem, o treinador do Petro de Luanda, Luis Chaves dirigiu a prelecção sobre a \"Preparação física\". Até no sábado, dia do encerramento da formação, estão previstas sessões práticas e exames.