Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Supertaa abre poca mais cedo

Silva Cacuti - 04 de Fevereiro, 2017

Petro de Luanda e 1 de Agosto juntos na abertura da poca desportiva

Fotografia: Kindala Manuel

 Em 2016, a prova opós o vencedor da Taça de Angola ao vencedor do campeonato nacional e jogou-se no dia 26 de Fevereiro.

Na prova feminina, o 1º de Agosto, campeão nacional, vai ter pela frente o Petro de Luanda, vencedor da Taça de Angola. O jogo é aguardado com muita expectativa por ser o primeiro jogo de uma competição do calendário da Federação em que vai actuar o dinamarquês Morten Souback, como treinador do 1º de Agosto. A contenda está marcada para as 19h00.

O treinador dinamarquês substituiu Filipe Cruz, que estava a fazer uma campanha vitoriosa à frente da equipa feminina militar, depois de esvaziar o Petro de Luanda das suas principais unidades.

A derrota na final da Taça de Angola, por 24-22, em 2016, foi a única mancha no trabalho de Filipe Cruz. Ainda assim, o treinador foi afastado do comando. O que vai trazer Souback ao 1º de Agosto é a curiosidade que anima os amantes de andebol.

No sector masculino, o 1º de Agosto vai defrontar o Interclube a quem venceu na final da Taça de Angola. Os polícias de Alexandre Machado jogam na condição de finalistas vencidos. O jogo é disputado às 17h00.

Para o dia 16 está prevista a realização da reunião técnica do jogo.

Esta vai ser a 12ª edição da Supertaça. O Petro de Luanda é o que mais vezes venceu a competição com oito conquistas na classe feminina, seguindo-lhe o ASA e o 1º de Agosto com uma conquista cada um.

Em masculino, o 1º de Agosto e Interclube têm quatro conquistas cada, enquanto a Banca e Kabuscorp do Palanca também ostentam uma conquista da prova.

O 1º de Agosto detém os títulos da Supertaça nas duas classes.