Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

1º de Agosto prepara jogo com o ASA

04 de Dezembro, 2013

Clube Central das Forças Armadas Angolanas lidera o ranking de troféus a nível de clubes no continente e na competição interna

Fotografia: Jornal dos Desportos

Com as atenções viradas para à fase final da Taça dos Clubes Campeões Africanos, prova a decorrer de 12 a 21 do mês em curso, em Sousse, Tunísia, a equipa sénior masculino do 1º de Agosto tem este final de semana mais um teste difícil, frente ao Atlético Sport Aviação ASA, em partida a contar para a oitava jornada da primeira volta da fase regular da XXXVI edição do BAI Basket.Apesar de estar na derradeira semana de preparação para a competição africana, o técnico principal da equipa afecta ao Clube Central das Forças Armadas Angolanas, 1º de Agosto, Paulo Macedo, vai aproveitar as partidas da dupla jornada do fim-de-semana para aferir o potencial da colectividade que está apostada em conquistar o oitavo troféu africano de clubes.

Sexta-feira, para a sétima jornada do Campeonato Nacional, os militares têm pela frente a modesta formação da Universidade Lusíada, num embate onde os actuais campeões nacionais em título são claramente favoritos à conquista dos dois pontos, a julgar pelo potencial do seu plantel, que é de longe superior aos universitários.Se no desafio de sexta-feira a vitória está praticamente consumada, o mesmo não se pode dizer do confronto de sábado, em que vão ter pela frente a sempre aguerrida equipa do Atlético Sport Aviação (ASA), de Carlos Dinis. No campeonato provincial, os aviadores surpreenderam os militares, a quem venceram por 100-97.

Alertado sobre a perigosidade da jovem equipa do Atlético Sport Aviação, Paulo Macedo continua a ensaiar as estratégias para suplantar no sábado o seu opositor, naquele que deve ser o último “amigável”, antes de seguir viagem para Tunísia, palco da disputa da XXVIII edição da Taça dos Clubes Campeões Africanos da “bola ao cesto”. Entretanto, sem qualquer problema de ordem clínica, a formação militar  actual campeã africana, agendou para  hoje mais duas sessões de treinos, no Pavilhão Victorino Cunha, o seu quartel-general.  Transições rápidas defesa ataque, circulação de bola em todas as áreas de jogo bem como as variações defensivas têm dominado as sessões de treinos da equipa rubro e negra.Os aspectos defensivos têm merecido atenção especial da dupla técnica constituída por Paulo Macedo e Walter Costa.

BAI BASKET
Província da Huíla quer acolher partidas


O director provincial da Juventude e Desportos da Huíla, Francisco Barros, manifestou no Lubango a intenção da província acolher competições do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculino da primeira divisão, vulgo BAI Basket. Francisco Barros sublinhou que a Huíla é uma província essencialmente do desporto. Por isso está a desenvolver um conjunto de acções para que o desporto localmente se torne um elemento fundamental para socializar os huilanos. O responsável louvou a iniciativa da Federação Angolana de Basquetebol (FAB) em ter escolhido recentemente a cidade do Lubango para albergar a Iª edição do campeonato nacional de basquetebol sénior masculino da II divisão.  “Queremos aqui fortalecer que nas próximas épocas, o campeonato nacional da I divisão de basquetebol seja realizado cá na província da Huíla”, manifestou. 

De acordo com Francisco Barros, esta é uma grande aposta do governo da província para o desenvolvimento do desporto nacional e em particular a nível da Huíla. Por isso, está empenhado na criação de condições infra-estruturais desportivas e outras para a prática de várias modalidades desportivas. Para Mário Belarmino Tchipongue, treinador de basquetebol no Clube Desportivo da Huíla, o que falta às formações huilanas são competições internas. Reforçou, que esta situação tira algum ritmo competitivo às equipas. Esclareceu que as equipas treinam durante o ano todo, mas não realizam competições internas.

Lembrou que a realização da I edição do campeonato nacional da II divisão no Lubango foi uma oportunidade única de competir para rodar algumas equipas existentes.  “O que tem faltado honestamente é que o pessoal na Huíla não compete; treinam durante o ano todo e não realizam competições. Temos duas equipas de juniores e três ou quatro equipas no escalão de cadetes que não competem. Por isso, aproveitamos ao máximo o campeonato da II divisão” disse.O treinador de basquetebol espera que mais eventos do género aconteçam não só de âmbito nacional, mas também regionais, sobretudo, com as vizinhas províncias do Namibe, Bié, Huambo e Benguela para relacionamento e troca de experiências de modo a que o número de jogos aumente nos jovens que têm disponibilidade para jogar o basquetebol. Assegurou, que a equipa do Clube Desportivo da Huíla (CDH) está a trabalhar para que no Campeonato Nacional de basquetebol, nos escalões de juniores, venha a fazer boa figura. Gaudêncio Hamelay- Lubango

NBA
Veterano Tim Duncan
dá vitória aos Spurs


O veterano Tim Duncan foi o grande responsável por os San Antonio Spurs derrotarem os Atlanta Hawks na madrugada de ontem, por 102-100. As mãos do extremo de 37 anos não tremeram a quatro décimas de segundo do fim, quando encerrou a brilhante exibição com o lançamento, que assegurou a 15.ª vitória dos texanos em 18 jogos na temporada. Os Spurs vinham de uma derrota frente aos “vizinhos” de Houston, contaram com 23 pontos e 21 ressaltos da parte de Duncan, que acrescentou ainda duas assistências, um roubo de bola e dois desarmes de lançamento.

O extremo francês Boris Diaw também foi um elemento decisivo, ao conseguir 16 pontos, mais um do que o compatriota Tony Parker, que deu ainda sete assistências.Nos Hawks, três jogadores estiveram acima da média: Al Horford (18 pontos e sete ressaltos), DeMarre Carroll (17 pontos e oito ressaltos) e Paul Millsap (15 pontos e 14 ressaltos).Os Spurs seguem na frente da Conferência Oeste, com o mesmo registo (15 vitórias e três derrotas) que os Portland Trail Blazers, que infligiram a segunda derrota da temporada aos Indiana Pacers, líderes do Este (16 vitórias e duas derrotas).

Conferência Leste
Washington Wizards
alcança terceiro lugar


O Washington Wizards, do extremo poste brasileiro Nenê, venceu na noite de segunda-feira o Orlando Magic, por 98-80, em partida disputada no Verizon Centar na capital dos Estados Unidos.Nenê foi titular e esteve em quadra durante  31 minutos. O brasileiro anotou 14 pontos, uma assistência, seis ressaltos, e um roubo de bola. O base Trevor Ariza foi o encestador  da equipa com 24 pontos, enquanto o também base John Wall conseguiu um duplo duplo, com 16 pontos e 13 assistências.

Com a vitória, o Washington Wizards chegou aos 50 por cento  de aproveitamento na temporada, com nove triunfos e nove derrotas, o que o coloca na terceira posição da Conferência Leste. A equipa de Nenê volta à quadra na sexta-feira, contra o Milwaukee Bucks, que tem a pior campanha da temporada, novamente em Washington. O Magic chegou a sua 11ª derrota em 17 partidas. O destaque da equipa de Orlando foi o extremo  Arron Afflalo, com 21 pontos, duas assistências e cinco ressaltos.

BASQUETEBOL
Pierce fractura a mão
e desfalca Nets na NBA


O Brooklyn Nets, 13º classificado da Conferência Leste da NBA, recebeu uma péssima notícia do seu departamento médico: um dos principais jogadores da equipa, o ala Paul Pierce, foi diagnosticado com uma fractura na mão direita e é desfalque por quatro semanas.Através de um comunicado oficial, os Nets confirmaram a contusão no atleta. A contusão no terceiro metacarpo da mão direita teve lugar durante o primeiro tempo do jogo contra o Houston Rockets, na última sexta-feira. O prazo mínimo de recuperação é de duas semanas e o máximo, quatro. Pierce tem uma média de 12,4 pontos, 4,9 ressaltos e 2,8 assistências por partida, tornando-se essencial para a equipa de Nova Iorque, que faz péssima campanha nesta temporada - a franquia tem menos de 30 por cento de aproveitamento e só cinco vitórias.