Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angola projecta Afrobasket das Ilhas Maurícias

Melo Clemente - 23 de Junho, 2017

A Pré-Selecção Nacional masculina de Sub-16,devido a problemas de saúde,

Fotografia: Jornal dos Desportos

A Pré-Selecção Nacional de basquetebol masculino de Sub-16 efectua hoje, a partir das 13h00, no Pavilhão Anexo número dois da Cidadela Desportiva, mais uma sessão de treinos, tendo em vista a disputa do Campeonato Africano das Nações da categoria, vulgo Afrobasket, prova a decorrer de 13 a 22 de Julho próximo, nas Ilhas Maurícias.


Apesar do grupo ter se concentrado de forma oficial apenas ontem, numa das salas de reuniões da Federação Angolana de Basquetebol (FAB), sita no Complexo da Cidadela Desportiva, em Luanda, os trabalhos de campos tiveram o seu início na última segunda-feira, de acordo com Ricardo Cristiano Rodrigues, técnico que foi repescado para substituir o antigo internacional angolano, Aníbal Moreira, bicampeão africano a nível das senhoras.

Aníbal Moreira foi \"obrigado a abandonar\" a Pré-Selecção Nacional masculina de Sub-16,devido a problemas de saúde, segundo apurou o Jornal dos Desportos junto de Manuel Silva \"Gi\", coordenador para todas as selecções nacionais masculinas.Ontem, em declarações ao Jornal dos Desportos, o também quadro da formação do Recreativo do Libolo, confirmou a realização de mais uma sessão de treinos.

\"De facto, apesar da concentração oficial da pré-selecção estar a acontecer apenas hoje (ontem), nós já começamos com os trabalhos de campo desde a última segunda-feira. Portanto, amanhã (hoje) vamos realizar mais uma sessão de treinos no Pavilhão Anexo número dois da Cidadela\", asseverou o jovem treinador Ricardo Cristiano Rodrigues.

Para esta empreitada, o seleccionador nacional convocou 24 atletas, com destaque para o jovem Martin Santos, do Queluz Basket de Portugal.
Eis a lista completa dos pré-convocados: Denilson Paulo, Alcane Paka, Tussama Sebastião, Franklim Rocha, Atlético Petróleos de Luanda, Esmael Batista, Agostinho Mayene, 1º de Agosto, Emanuel Sebastião, Isaac Bartolomeu, Interclube, Aristide Garcia, Recreativo do Libolo, Ângelo Alexandre, Emanuel Silva, Progresso, Edvanio dos Santos, Denilson Fernandes, Michael Ngongo, Ferroviário, José Cabasu, Gerson Calunga, ASA, Emanuel da Costa, Marcil e Sousa, Casa do Pessoal do Porto do Libito, Cesaltino António, António Segunda, 1º de Maio de Benguela, José Celelessa, Marcelo Morote, Martin Santos, Sporting de Benguela, Tedoyame Simão, Vila.

Decisão
FIBA retira punição
e Brasil volta a jogar


O basquetebol brasileiro pode voltar a competir em solo internacional. Na manhã desta quarta-feira, a Federação Internacional de Basquete (FIBA) retirou a suspensão da Confederação Brasileira (CBB), permitindo que as seleções e clubes do país voltem a participar de torneios internacionais a partir de Julho.

O órgão máximo do basquetebol mundial havia punido a Federação Brasileira por irresponsabilidades administrativas da antiga gestão. Com o feito, as seleções masculina e feminina vão poder participar da Copa América de suas respectivas modalidades em preparação para o Mundial de 2019.Em carta aberta divulgada pela CBB, o novo presidente da entidade, Guy Peixoto, comemorou o fim do veto da entidade e já traçou os novos passos para continuar recuperando o basquetebol brasileiro.

“Transparência seguirá como a nossa maior bandeira ao longo desta administração e vamos seguir contando com o apoio irrestrito dos amantes da modalidade para que, livre da punição, possamos caminhar e alcançar patamares cada vez mais superiores, para: reconquistar o lugar de direito do basquetebol brasileiro”, afirmou o presidente.

NBA
Golden ovacionados


Depois de vencer a série final da NBA por 4 a 1 em cima do Cleveland Cavaliers e se sagrar campeão da temporada, o Golden State Warriors desfilou, na última semana, pela cidade californiana de Oakland. Num autocarro, os membros da equipa passearam pelo centro da cidade, que estava dominado pelas cores da equipa.

Recebidos chuva de confetes, placas, bandeiras e milhares de pessoas uniformizadas, os vitoriosos ostentavam o troféu da principal competição da modalidade. Além dos jogadores, parentes e amigos também participaram do evento.Steve Curry, acompanhado da esposa, filhas, irmã e pais, não escondeu a alegria: ele segurava o troféu na frente do autocarro e o mostrava a todo público — que ia a loucura. Quando Kevin Duran apareceu, a multidão também gritou incessantemente. Desta vez, eles clamavam “MVP”, abreviação em inglês para “jogador mais valioso”.

O auxiliar técnico Mike Brown. por sua vez, quebrou o protocolo. Junto a seus colegas, ele desceu do carro e seguiu a pé para cumprimentar os fãs da equipa. Na traseira de uma dos carros, o treinador Steve Kerr distribuía beijos e acenava para o público.Além do autocarro personalizado, caminhões, carros alegóricos, cavalos, carros esportivos e muitos seguranças também atravessaram a região. A homenagem começou às 10 horas da manhã, no horário local, e teve como destino o Centro de Convenções Henry Kaiser.

Está é a segunda vez que a equipa desfila nos últimos três anos, já que o histórico do grupo é positivo. Nas temporadas 2014/15 e 2016/17 se sagraram campeões em cima do Cavaliers. Já em 2015/16, quando não venceram a competição, tiveram bom desempenho e venceram 73 jogos na temporada regular.