Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Angolanas cumprem primeiro objecto

Melo Clemente - 01 de Dezembro, 2016

Quartos-de-final da Taça dos Clubes Campeões Africanos de basquetebol seniores femininos arrancam amanhã

Fotografia: Kindala Manuel

As formações do 1º de Agosto e do Grupo Desportivo Interclube passearam a sua classe durante à fase preliminar da 22ª edição da Taça dos Clubes Campeões Africanos de basquetebol,  seniores feminino, competição que decorre no Pavilhão do Maxequene, Maputo, capital moçambicana, ao terminara de forma invictas o primeiro turno da aludida prova.

Hoje, quinta-feira, a competição regista uma pausacolectiva, reatando amanhã, sexta-feira, dia 02, com a disputa das partidas referentes aos quartos -de -final da 22ª edição da Taça dos Clubes Campeões Africano da \"bola ao cesto\". O 1º de Agosto, actual campeã em título, e Grupo Desportivo Interclube, finalista vencido da última edição, evidenciaram  supremacia nos respectivos grupos, ocupando o primeiro lugar das respectivas séries.

O Clube Central das Forças Armadas Angolanas que procura o quarto título continental, começou a vencer na ronda inaugural da fase preliminar  da Taça dos Clubes Campeões Africano a similar do GSP, por 74-57, num prélio em que as pupilas de Jaime Covilhã não encontraram  resistência por parte da equipa oponente.

Frente a equipa do First Bank da Nigéria, uma das principais favoritas à conquista do anel continental, à semelhança do 1º de Agosto e do Grupo Desportivo Interclube, a equipa militar ganhou com toda a naturalidade às nigerianas por 76-62. As comandadas de Jaime Covilhã alcançaram o resultado mais expressivo na fase preliminar da Taça dos Clubes Campeões Africanos, diante do Usiu do Quénia, a quem venceram por convincentes 98-41.

No adeus à fase de grupos, as actuais campeãs africanas cilindraram  a congénere do Clube Desportivo Politécnica, por 78-33. Nos quatro jogos que disputou, a formação do 1º de Agosto somou igual número de triunfos, tendo marcado 326 pontos, o que representa uma média de 81,5 pontos por cada desafio. A equipa militar sofreu 193 pontos nos quatro jogos que disputou durante o primeiro turno da competição, obtendo uma média de 48,25 pontos sofridos por cada partida.

Entretanto, por seu turno, o Grupo Desportivo Interclube, conjunto mais titulado do continente berço da humanidade, com quatro troféus arrebatados, venceu na primeira jornada do Grupo A, o Ferroviário de Maputo, por 57-43, ao passo que na segunda ronda cilindrou o Etoile do Togo, por 94-30.
Na terceira jornada da fase preliminar da 22ª edição da Taça dos Clubes Campeões Africanos, a equipa adstrita à Polícia Nacional bateu o KPA do Quénia, por 89-49. Ontem,para a última jornada do GrupoA da fase preliminar,a equipa do Interclube venceu o FAP dos Camarões, por 70-44.

Na formação do 1º de Agosto
Moçambicana Leia Dongue entre as melhores

A moçambicana ao serviço do 1º de Agosto, Leia Tania Dongue, figura entre as dez melhores marcadoras da fase preliminar da 22ª edição da Taça dos Clubes Campeões Africanos de basquetebol,  seniores feminino, prova que decorre  no Pavilhão do Maxequene, Maputo, capital moçambicana.

Leia Dongue, MVP (Jogadora Mais Valiosa) da última edição, prova disputada no Pavilhão Arena do Kilamba, e vencida pela formação do 1º de Agosto, anotou durante à fase preliminar 54 pontos, em quatro partidas disputadas, o que representa uma média de 13, 5 pontos por cada desafio, ocupando o quarto lugar da tabela classificativa. A lista das melhores marcadoras é liderada pela moçambicana, Anabela Cossa, do Clube Desportivo Ferroviário de Maputo, com 47 pontos marcados e menos uma partida.

Para além da extremo poste Leia Dongue, a norte-americana ao serviço do Clube Central das Forças Armadas Angolanas, Danielle Cray, figura igualmente entre as dez melhores marcadoras da prova, com 53 pontos anotados, surgindo por isso, em sétimo lugar da tabela classificativa. Ngindula

Filipe, extremo poste do Grupo Desportivo Interclube, ocupa o décimo primeiro poste, com 35 pontos marcados, menos uma partida, ao passo que Cristina Matiquite ocupa o décimo sétimo lugar, com 40 pontos. Entretanto, a equipa do 1º de Agosto foi a mais concretizadora durante o primeiro turno da competição, com 326 pontos marcados, ao passo que Usiu do Quénia foi a menos concretizadora, com 120 pontos marcados.
M.C

NBA/homenagem
Bucks vencem Cavs

A tragédia que atingiu a delegação da Chapecoense não passou desapercebida à NBA,  antes das partidas da noite de terça-feira, aconteceram homenagens aos 71 mortos no acidente aéreo na Colômbia, como no Bradley Center, onde o Milwaukee Bucks recebeu o actual campeão Cleveland Cavaliers e venceu por 118-101.

Antes da partida, os jogadores observaram um minuto de silêncio e o escudo da equipa catarinense foi exibido no telão da quadra. Entretanto, quando a bola subiu, os Bucks não se intimidaram diante dos astros dos Cavs. Com Giannis Antetokounmpo inspirado, a equipa conquistou a oitava vitória na temporada, em 16 jogos disputados.

O extremo base foi o cestinha da noite, além de fazer um duplo -duplo, com 34 pontos e 12 ressaltos. Pelo lado dos Cavs, que perderam a terceira partida nesta edição, LeBron James foi o melhor marcador, com 22 pontos. Com um show de Anthony Davis, o New Orleans Pelicans recebeu o Los Angeles Lakers e derrotou o adversário por 105-88. O extremo poste foi o grande cestinha no Smoothie King Center, além de fazer um duplo -duplo, marcou 41 pontos e 16 ressaltos.

Os Lakers perderam a 10ª partida em 19 disputadas, o melhor marcador foi Lou Williams, que saiu do banco e fez 16 pontos. O brasileiro Marcelinho Huertas ficou 10 min42 em quadra, com um ressalto e uma assistência. Após um grande início de competição, em que chegou a vencer sete jogos seguidos, parece que a fase do Los Angeles Clippers virou e a conheceu a sua terceira derrota consecutiva, desta vez foi derrotada no prolongamento pelo Brooklyn Nets, no Barclays Center, por 127-122.

Foi a quinta vitória em 17 jogos disputados pela franquia nova-iorquina. O destaque ficou para Sean Kilpatrick, cestinha e dono de um duplo -duplo, fez 38 pontos e 14 ressaltos. Pelos Clippers, Chris Paul, com um triplo -duplo, também se destacou. O base terminou o jogo com 26 pontos, 13 assistências e dez ressaltos.

WARRIORS VERGAM
ATLANTA HAWKS

O Golden State Warriors conquistou na noite de segunda-feira a 12ª vitória seguida na temporada 2016-2017 da NBA, ao superar em casa o Atlanta Hawks, por 105-100. O principal nome na Oracle Arena foi Kevin Durant, com um duplo -duplo, fez 25 pontos e 14 ressaltos. O brasileiro Anderson Varejão não entrou em quadra por opção da comissão técnica.

Pelos Hawks, que perderam o terceiro jogo consecutivo, o principal marcador foi Dennis Schroder, com 24 pontos. O Charlotte Hornets visitou o Memphis Grizzlies e devolveu a derrota sofrida no último dia 21, saiu do Fed ExForum com a vitória por 104-85. O base Kemba Walker, dos Hornets, foi o cestinha do confronto com 21 pontos. Quanto aos Grizzlies, Marc Gasol foi o destaque com 19 pontos.