Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Base dos Oklahoma sofre nova operação

29 de Dezembro, 2013

Russell Westbrook vai ser operado ao joelho direito pela terceira vez

Fotografia: AFP

O base dos Oklahoma City deve falhar um total de 27 encontros da sua equipa, em consequência de nova cirurgia ao joelho, afectado por uma ruptura no menisco, contraída precisamente a 27 de Abril. Depois de falhar toda a temporada 2012-13, Westbrook regressou esta época em força e, apesar de ter sido submetido a uma operação para retirar os pontos no joelho direito, parecia estar com um excelente nível, assinando médias de 21,3 pontos, sete assistências e seis ressaltos.

O comunicado dos Thunder diz que Westbrook não sentia quaisquer dores na zona em questão, mas as ressonâncias magnéticas detectaram um inchaço, que foi combatido com o recurso a uma artroscopia. A ausência do base all-star é um rude golpe para Kevin Durant e companhia, que nesta altura partilham o segundo melhor recorde da NBA com os Indiana Pacers (23-5).


LeBron alcança
marca histórica

Eleito o melhor jogador das duas últimas épocas da NBA, LeBron James continua a mostrar que pode fazer muito mais. O craque, como de costume, foi o cestinha da derrota do Miami Heat para o Sacramento Kings por 108 a 103, com 33 pontos, o que o fez chegar aos 21.819 pontos marcados na carreira, ultrapassando Larry Bird (21.791) e Gary Payton (21.813). Com a nova pontuação, LeBron torna-se o 29º maior cestinha da principal liga de basquetebol do mundo.

A marca histórica do extremo não foi comemorada com grande festa, porque a equipa da Florida levou a pior, em jogo que só foi decidido no prolongamento. Com o resultado, os actuais campeões da NBA perderam a oportunidade de igualar o número de vitórias do Indiana Pacers e continuam na segunda posição da Conferência Leste, com 22 triunfos em 29 jogos realizados. Enquanto isso, os Kings ocupam apenas a penúltima posição da Oeste, com nove vitórias e 19 derrotas.

Além de LeBron, os principais jogadores do Heat foram Chris Bosh, que marcou 18 pontos, e Mario Chalmers, que alcançou a marca de dois dígitos em dois fundamentos ao marcar 11 pontos e dar dez assistências.

Do outro lado do confronto, a equipa de Sacramento contou principalmente com a boa actuação de três jogadores. Entre eles, DeMarcus Cousins foi o mais decisivo e também chegou ao double-double, com 27 pontos e 17 ressaltos. Os outros atletas foram Rudy Gay, com 26 anotados, e Isaiah Thomas, que marcou 22 pontos e deu 11 assistências.

Com um começo de jogo surpreendente, o Miami Heat foi muito melhor e terminou a primeira parcial a vencer por 32 a 19. No entanto, o forte ritmo não foi visto ao longo do jogo e a queda de desempenho ficou evidente.