Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Benjamim Avô minimiza ausências de atletas

Melo Clemente - 02 de Dezembro, 2015

Técnico Benjamim Avô está fortemente apostado na conquista do título africano

Fotografia: Kindala Manuel

Benjamim Avô, um dos adjuntos do técnico Lazare Adingono na formação do Atlético Petróleos de Luanda, prefere valorizar os atletas que trabalha nesta altura com a equipa, com vista a época desportivo 2015/2016.Em declarações ao Jornal dos Desportos, na última segunda-feira, logo após a sessão de treino realizada no Pavilhão Principal da Cidadela Desportivo, o antigo internacional angolano, hoje nas vestes de treinador- adjunto, ressaltou a entrega dos atletas ao trabalho.

"A equipa continua a trabalhar de forma afincada visando a nova época desportiva. Depois de termos passado pela Argentina sinto que os atletas aos poucos vão ganhando a forma desportiva. É evidente que nem tudo está bem, sentimos que ainda temos de melhorar em alguns aspectos, por isso, temos estado a trabalhar para colocarmos a equipa no seu melhor nível para abordarmos da melhor forma a fase final da Taça dos Clubes Campeões Africanos que arranca no dia 10 do mês em curso".A introdução de novos jogadores na equipa, tem obrigado os técnicos a redobrarem esforços, no sentido de dar ritmo aos "novos inquilinos".

"A inclusão de jogadores novos  e determinadas coisas que ainda não dominam, mas que temos estado a trabalhar, aos poucos se vão  encaixando na filosofia do técnico", disse.Apesar da política do Atlético Petróleos de Luanda estar virada para a potencialização de jovens atletas, para a partir de 2018 a equipa petrolífera começar a  impor-se quer a nível doméstica quer  a nível do continente, é a meta do clube para a conquista do título africano."O Petro quando entra para uma competição é para vencer. E é com esse espírito que nós vamos para a competição". Questionado sobre Emanuel Quezada e Jason Cain, Benjamim Avô, foi peremptório: "Eu gosto de falar dos que estão presentes e quem vier será sempre bem-vindo. Nós estamos a trabalhar com este grupo e com estes atletas é que vamos disputar a fase final da Taça dos Clubes Campeões Africanos".

NBA
Golden State Warrios
mantém ciclo de vitórias


 O base Stephen Curry voltou a destacar-se na segunda-feira, nos momentos decisivos da vitória do Golden State Warriors fora de casa, por 106-103, sobre o Utah Jazz, amplia assim a melhor marca da história, num início de temporada com o 19º triunfo consecutivo.Curry forneceu 26 pontos, seis ressaltos, cinco assistências e dois desarmes de bola. Além disso, o base conseguiu uma bola de três quando o jogo estava empatado (101- 101), faltava apenas 51 segundos no relógio.

Klay Thompson e Draymond Green também fizeram a diferença para a equipa de Oakland com 20 pontos cada um. Green ainda ficou perto de um triplo -double, ao fazer nove ressaltos e fornecer sete assistências.O base reserva Ian Clark foi sexto homem dos Warriors ao anotar 12 pontos e duas assistências, enquanto Leandrinho esteve apagado e marcou apenas dois pontos em 11 minutos de acção. Barbosa também conseguiu três ressaltos e uma assistência.

Os actuais campeões, que somam 23 triunfos consecutivos desde a temporada passada, voltam a jogar nesta quarta-feira, na Carolina do Norte, contra o Charlotte Hornets.Pela equipa anfitriã, Gordon Hayward foi o destaque com 24 pontos, seguido pelo  extremo poste Derrick Favors, com um duplo -duplo de 23 pontos edez ressaltos, e Rudy Gobert, com 13 pontos e 11 ressaltos.

Raulzinho Neto seguiu como base titular da equipa de Utah, mas não teve bom desempenho nesta segunda-feira. O brasileiro ficou em quadra por 15 minutos, mas errou todos os seis arremessos que tentou e anotou apenas duas assistências.O Jazz, que soma oito vitórias e oito derrotas, tem novo compromisso nesta quinta-feira, quando receber em casa o Orlando Magic.

Golden State Warriors
seguem invencíveis


Os Golden State Warriors continuam invictos na Liga norte-americana de basquetebol profissional (NBA), ao somarem na madrugada de ontem a 19.ª vitória em outros tantos jogos, batendo os Utah Jazz por 106-103. Bem sofreram os Warriors para manter a invencibilidade. Os Jazz chegou a estar na frente do marcado no último período, mas Stephen Curry revelou-se novamente decisivo, marcando 10 dos seus 26 pontos na partida para dar a vitória aos atuais detentores do título.