Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Campeo comea com vitria

22 de Novembro, 2014

Campeo comea com vitria

Fotografia: Jos Cola

Sem Carlos Morais nem Olímpio Cipriano, ambos em regime de recuperação física e com apenas nove jogadores contra 12 do Vila, o campeão nacional dominou o jogo, embora tivesse perdido no parcial do segundo quarto (29-18, 13-19 28-14,24-18).

Diante de um adversário vulnerável, o Libolo teve em Luís Costa o seu melhor marcador com 31 pontos, seguido pelo estreante base Milton Barros (21 pts). Os dois jogadores foram os mais utilizados pelo técnico português Norberto Alves, com 40:18 e 41:03, respectivamente. Do outro lado, Adriano José, com 29:48 foi o mais utilizado e o melhor ressaltador com seis capturados.

Com três integrantes da selecção que esteve este ano no Mundial de basquetebol em Espanha (Eduardo Mingas, Valdelício Joaquim, Milton Barros), o campeão nacional viu o extremo do Vila Clotilde Bartolomeu Pacheco sagrar-se vice-cestinha do jogo com 21 pontos, o jogador “mais inconformado” do conjunto orientado pelo técnico Elvino Dias.

Até ao intervalo, numa partida que não teve ainda a presença massiva do público, nada fazia prever uma diferença tão grande no resultado, pois a vantagem da turma do Cuanza Sul era apenas de cinco pontos (42-37).

A experiência de Eduardo Mingas, que não obstante os escassos sete pontos, em 24 minutos cumpridos, teve influência na transfiguração do marcador. Outro destaque foi Eric Coleman, o melhor do jogo em assistências (9) e ressaltos (9).

Em termos de percentagens colectivas, o Vila Clotilde conseguiu equilibrar nos lances livres, com 62 por cento, contra 64 do Libolo,  nos lançamentos triplos, com 21/28, mas foi “esmagado” nos ressaltos com 29/51.

Ontem o campeão defrontou o Progresso Sambizanga para a primeira jornada, resultado desconhecido até o fecho desta edição. Ainda ontem, jogaram ASA-Interclube, Sporting de Benguela-1º de Agosto e Vila Clotilde -Petro de Luanda.