Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Campeo desfalcado no comeo da poca

Melo Clemente - 07 de Outubro, 2014

Tcnico libolense almeja uma temporada recheada de sucessos a julgar pelas contrataes que fez para a nova poca desportiva

Fotografia: Jornal dos Desportos

A formação do Recreativo do Libolo, campeão nacional em título, trabalha desfalcado com vista à nova temporada desportiva 2014/2015, cuja abertura acontece a 10 de Novembro, na província de Malanje, com a disputa da Supertaça Wlademiro Romero em basquetebol seniores masculino.

Sem as  principais unidades, casos dos internacionais angolanos Carlos Morais e Olímpio Cipriano, lesionados (ver peça a parte), Moses Sonko, gambiano, Eric Coleman, norte-americano, para além do poste Eduardo Mingas, que foi uma das figuras em destaque na Selecção Nacional que disputou o Campeonato do Mundo de Espanha, os bicampeões nacionais trabalham a todo vapor, no Complexo do Dream Space, em Viana, com o pensamento virado para a revalidação do ceptro.

O gambiano Moses Sonko e o norte-americano Eric Coleman devem juntar-se nos próximos dias ao grupo de trabalho, à semelhança do internacional Eduardo Mingas.Entretanto, para consumação dos objectivos, o técnico português ao serviço do Recreativo do Libolo reforçou a posição  um (base), com a contratação do internacional angolano Milton Barros, que vai preencher a vaga deixada pelo Francisco Sousa, que doravante vai representar as cores do 1º de Agosto, ao passo que o poste Francisco Machado ex-1º de Agosto, vai ocupar o lugar deixado pelo ex-internacional angolano Abdel Moussa Bouckar, que foi indigitado para o cargo de chefe de departamento para o basquetebol da formação do grémio da vila de Calulo.

Entre os reforços, a ainda a destacar a contratação do poste Valdelício Joaquim, que na época transacta foi das melhores unidades do Atlético Petróleos de Luanda. Para além dos reforços acima referenciados, Noberto Alves trabalha igualmente com alguns jovens provenientes da equipa do Sporting de Benguela, que procuram um lugar na formação bicampeã nacional.

Os aspectos físicos, técnicos e tácticos têm dominado as primeiras semanas de preparação do Recreativo do Libolo, de acordo com técnico Norberto Alves, que prolongou o seu vínculo contratual com a direcção do Recreativo do Libolo, encabeçado por Rui Campos, por mais uma temporada.

“Como habitualmente nesta pré-temporada,  estamos a trabalhar as bases, que tem a ver com a táctica, técnica e física. Têm sido semanas com muito volume de trabalho neste período preparatório geral, para construirmos grandes pilares para termos sucesso na nova temporada desportiva”.Questionado sobre as aquisições feitas para a temporada 2014/2015, Norberto Alves mostrou-se satisfeito, numa clara demonstração de que a direcção do clube liderado por Rui Campos, respondeu positivamente às suas inquietações.

“A equipa o ano passado esteve muito bem, foi melhorando, todos os anos as equipas na sua dinâmica normal saem e entram jogadores e estes de facto são jogadores que realmente achávamos importantes para reforçar as posições interiores  e exteriores. Estou bastante satisfeito com estas contratações que fizemos”, reconheceu Norberto Alves.
Revalidar o título do BAI Basket e conquistar todas as provas em que estiver envolvido constituiu o objectivo premente  da equipa do Libolo.

 “Sim os nossos objectivos mantêm-se os mesmos. Não houve nenhuma alteração, o Libolo é um clube que se  tem  afirmado no topo do basquetebol angolano e que está neste escalão, quer lutar para se manter. Vamos procurar revalidar o título nacional e conquistar as demais provas em que estivermos engajados”.

Para a materialização destes objectivos, Norberto Alves aconselha o  grupo a manter a humildade que sempre os caracterizou."Só vamos conseguir alcançar os nossos objectivos se respeitarmos os nossos adversários e isso, só acontece se formos humildes”.


NOVAS FUNÇÕES
Técnico Norberto
felicita Abdel Bouckar



Norberto Alves considera acertada a aposta que a direcção do clube fez, ao indicar o seu antigo pupilo para ocupar o cargo de chefe do departamento para o basquetebol do grémio de Calulo.

Depois de ter contribuído na conquista do segundo anel doméstico para o clube, o antigo internacional angolano que representou as cores do Atlético Sport Aviação (ASA), 1º de Agosto, Atlético Petróleos de Luanda e Sport Lisboa e Benfica, Abdel Moussa Bouckar decidiu pôr fim à sua carreira que iniciou no Chade, para abraçar novas funções no Recreativo do Libolo. “Como sabe o Abdel  passou para chefe de departamento. O clube e muito bem achou que tinha o perfil ideal para desempenhar essas funções, pelo seu exemplo  enquanto jogador. Por isso, gostava  de felicitar o Abdel e desejar-lhe muitas felicidades”.     


CONTRARIEDADES
Lesões preocupam
treinador do Libolo


O técnico principal do Recreativo do Libolo, Norberto de Alves, mostrou-se preocupado com as lesões dos internacionais angolanos, Carlos Morais e Olímpio Cipriano.

O extremo base Carlos Morais, MVP (Jogador Mais Valioso) da última edição do Campeonato Africano das Nações de 2013, vulgo Afrobasket, está nos Estados Unidos da América, onde recupera da sua mazela, segundo fez saber Abdel Moussa Boukar, chefe do departamento de basquetebol do Recreativo do Libolo.

Já o extremo base, Olímpio Cipriano, que representou as cores da Selecção Nacional no recém terminado Campeonato do Mundo de Espanha, faz a  recuperação em Portugal.

Com problemas no joelho esquerdo, resultante da época desgastante que teve na última época, foi decisivo na conquista do bicampeonato do Libolo, Olímpio Cipriano viu agravada a  lesão durante a disputa do Campeonato do Mundo, competição onde o “cinco” nacional ficou em 17º lugar na tabela classificativa, num universo de 24 selecções, em que piorou a classificação de 2010 (15º posto).

Apesar destas contrariedades, Norberto Alves acredita na recuperação atempada das suas melhores unidades, afim de disputarem a final da Supertaça Wlademiro Romero, prova que abre a época desportiva nacional, isto ,no dia 10 de Novembro, em Malanje.
“Apesar de eu estar satisfeito com as contratações que fizemos para a nova época, estou por outro lado preocupado, com as lesões de Carlos Morais e de Olímpio Cipriano. O Carlos Morais está nos Estados Unidos da América a tratar da  recuperação, enquanto o Olímpio Cipriano está em Portugal a cuidar também da sua lesão. Vamos esperar que os dois atletas recuperem à tempo de iniciarem a nova época desportiva”, prognosticou Norberto Alves.  
M.C