Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

DAgosto Hexacampeo africano

Melo Clemente, em Cotonou - 20 de Dezembro, 2010

1 de Agosto volta a conquistar, ela sexta vez, o trofu da Taa de frica dos Clubes Campees Africanos

Fotografia: Jornal dos Desportos

A equipa sénior masculina do 1º de Agosto conquistou ontem, no Palácio dos Desportos de Kouhounou, em Cotonou, Benin, a XXV edição da Taça dos Clubes Campeões de Basquetebol, ao derrotar a sua similar do Condor dos Camarões, por 73-41, quando ao intervalo conservava já uma vantagem de 25 pontos (38-13). Com esta conquista, a formação militar elevou para seis o número de troféus arrebatados na “Liga dos Campeões” a nível da “bola ao cesto”, sendo a quarta Taça consecutiva, feito já mais igualado a nível do continente berço da humanidade.

Ontem, perante uma moldura humana considerável que acorreu ao Palácio dos Desportos para testemunhar o adeus da 25ª edição da Taça dos Clubes Campeões a nível da “bola ao cesto”, a formação militar, liderada por Joaquim Gomes “Kikas”, Miguel Pontes Lutonda, Carlos Almeida, Felizardo Ambrósio, Karlton Mims e Mário Correia, exibiu-se ao seu melhor nível. Aliás, a exibição de ontem foi a melhor das cinco partidas que disputou em Cotonou, Benin.

Apesar do desgaste físico do prélio das meias-finais, diante dos vizinhos da República Democrática do Congo (Nazembe) que transformaram a quadra de jogo num autêntico ringue, ontem, a formação do Clube Central das Forças Armadas Angolanas não concedeu qualquer facilidade ao seu opositor, que o havia vergado na fase preliminar da referida competição, por 74-66.

A partida começou de feição para o representante angolano que, nos dois minutos iniciais, conseguiu fazer um parcial de 7-0. 23-11, era o resultado ao cabo do primeiro quarto a favor da equipa militar. No segundo quarto, com uma defesa implacável, na qual eram utilizadas as variantes zona e homem a homem, os angolanos conseguiram neutralizar os camaroneses, que nesta etapa marcaram apenas dois pontos, contra 18 do 1º de Agosto.

Nos quartos subsequentes, os militares mantiveram o controlo das operações e demonstraram que a derrota da primeira fase, por 66-74, foi apenas um acidente de percurso. Joaquim Gomes “Kikas”, com 27 pontos, foi o cestinha da partida seguido do seu companheiro de equipa, Miguel Pontes Lutonta, com 16. “Kikas” actuou durante 35 minutos e 50 segundos, ao passo que o capitão (Lutonda) jogou durante 25 minutos e 30 segundos.

Em termos de ressaltos, a formação militar conseguiu 57, contra 41 do seu adversário. Kikas foi ainda o rei dos ressaltos com 20, sendo nove ofensivos e 11 defensivos. Felizardo Ambrósio conseguiu 17 ressaltos (8/9). A vitória da equipa militar (73-41) ajusta-se perfeitamente, por aquilo que as duas formações produziram ao longo dos 40 minutos.

Kikas eleito MVP

 O internacional angolano Joaquim Gomes “Kikas” foi eleito o MVP (Jogador Mais Valioso)  da XXV edição da Taça dos Clubes Campeões Africanos de Basquetebol em seniores masculinos, competição que encerrou ontem, em Cotonou, Benin, com a consagração da formação do 1º de Agosto. Para além de ter arrebatado o troféu de MVP, Joaquim Gomes “Kikas”, poste, dois metros de altura, 30 anos, fez parte do cinco ideal, a par do extremo base, Carlos Almeida.

Magalhães dedica vitória à direcção

Eufórico com a conquista do sexto título africano de basquetebol em seniores masculinos, segundo na sua carreira, ao serviço da equipa militar, o português Luís Magalhães “atirou-se” ao Jornal dos Desportos, pedindo que a consagração da formação militar viesse na capa, fazendo alusão à manchete dada pelo nosso jornal aquando da derrota da formação militar com o Condor, ainda na primeira fase.

“Primeiro gostaria que o Jornal dos Desportos nos colocasse igualmente na primeira página, tal como o fez aquando da nossa derrota.Como sabem, esta é uma competição por grupos, e é necessário chegar à final e ganhar. Mais uma vez o 1º de Agosto mostrou a força que tem. Por isso, gostaria de agradecer à direcção do clube pelos investimentos que tem feito no sentido de nos proporcionar todas as condições para nós podermos desempenhar o nosso trabalho com a qualidade que estes jogadores aqui demonstraram hoje (ontem) numa exibição inequívoca da qualidade e da força do basquetebol angolano”, disse.

O comandante da equipa militar aproveitou a ocasião para felicitar as Forças Armadas Angolanas e desejou igualmente Feliz Natal ao povo angolano. Por seu turno, Joaquim Gomes “Kikas”, atleta que foi decisivo na partida das meias-finais, contribuindo com 20 pontos, e ontem com mais 27, sendo por isso considerado o MVP da prova, dedicou a vitória aos seus companheiros e ao povo angolano.“Graças a Deus conseguimos conquistar mais um título africano. Estamos todos de parabéns e dedico esta vitória aos meus colegas e ao povo angolano e, antecipadamente, Festas Felizes”, disse Kikas visivelmente emocionado pela conquista do seu sexto troféu.

As sale conquista
terceiro lugar


A formação do As sale de Marrocos conquistou o terceiro lugar da XXV edição da Taça dos Clubes campeões da “bola ao cesto”, ao derrotar ontem a formação do Mazembe da República Democrática do Congo, por 75-71. Para as classificativas do quinto e sexto lugares, o Kano Pillars da Nigéria bateu a equipa do Manga Sport do Gabão, por 74-45, ao passo que o Maxaquene de Maputo derrotou o Interclub do Congo Brazzaville, por 67-41, para as classificativas do sétimo e oitavo lugares, respectivamente.

Classificação final

A formação do As sale de Marrocos conquistou o terceiro lugar da XXV edição da Taça dos Clubes campeões da “bola ao cesto”, ao derrotar ontem a formação do Mazembe da República Democrática do Congo, por 75-71. Para as classificativas do quinto e sexto lugares, o Kano Pillars da Nigéria bateu a equipa do Manga Sport do Gabão, por 74-45, ao passo que o Maxaquene de Maputo derrotou o Interclub do Congo Brazzaville, por 67-41, para as classificativas do sétimo e oitavo lugares, respectivamente.

Classificação final
1º de Agosto
2º Condor dos Camarões
3º As Sale de Marrocos
4º Mazembe da RDC
5º Kano Pillars da Nigéria
6º Manga Sport do Gabão
7º Maxaquene de Maputo
8º Interclub do Congo Brazzaville
9º Rayo Hoopers da Nigéria
10º Aso Modele do Benin
11º Al Ahly da Líbia

Ficha Técnica

Pavilhão: Palácio dos Desportos de Kouhounou, com uma assistência razoável
 Arbitragem: Toure Moussa (Mali), Chlif Abdelilah (Marrocos) e Abreu Muhimua (Moçambique). 1º de Agosto: Felipe Abraão (2), Hermenegildo Santos (0), Adilson Baza (0), Mário Correia (6), Joaquim Gomes “Kikas” (27), Felizardo Ambrósio (11), Vladimir Ricardino (3), Helder Ortet (0), Adolfo Quimbamba (0), Carlos Almeida (2), Miguel Lutonda (16) e Karlton Mims (6). 
 Treinador: Luís Magalhães
 Condor dos Camarões: Pendiea Christel (9), Bomba Olive (3), Mbog Jacques (9), Mamganba Serge (6), Mayang Christian (4), Mballa Eric (0), Bendjou Cyrille (3), Ouboung Marc (5), Bouth Benoit (0), Fezeu Eric (2), Ndibi Yvis (0), Teumo Jeremie (0).
Treinador: Ibama Germain
Marcha do marcador: 20-11, 38-13, 55-22, 73-41.