Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Estgios devem cumprir calendrio

Helder Jeremias - 27 de Fevereiro, 2017

Nuno Teixeira quer uniformizao na preparao das equipas para evitar jogos em atrasocao de jogos em atraso

Fotografia: Paulo Mulaza

A uniformidade dos períodos para a realização de estágios pré-competitivos das equipas que actuam no Campeonato Nacional de Basquetebol sénior masculino, também conhecido por BIC Basket, deve ser um imperativo a partir das 42ª edição marcado para o final do ano em curso.

O posicionamento do director técnico da Federação Angolana de Basquetebol, Nuno Teixeira, foi apresentado durante a realização da reunião técnica para o sorteio da fase de grupos da competição, realizada quarta-feira última na sede do Comité Olímpico Angolano. Decidiu-se que a recta final vai ser disputada a duas voltas no sistema de todos contra todos.

Nuno Teixeira justificou que determinadas equipas realizam estágios pré-competitivos fora do país numa altura em que as competições estão a decorrer. As ausências das equipas criam transtornos às demais envolvidas. A remarcação de jogos em atraso obriga esforços redobrados dos jogadores envolvidos.

Para o experiente técnico, torna-se imprescindível encontrar um meio-termo, ou seja, as equipas devem cumprir com uma calendarização rigorosa que passa pelas férias colectivas, realização de estágios e de campeonatos provinciais, de maneira que ninguém seja obrigado a realizar jogos em períodos menos apropriados.

Nuno Teixeira acredita que os novos corpos gerentes da Federação Angolana de Basquetebol, liderados pelo presidente eleito, Hélder Cruz \"Maneda\", vão dar uma atenção especial à questão. No seu dizer, tem sido aflorada com mais frequência nos últimos anos, em virtude de ser apanágio de algumas equipas regressarem ao país com algum atraso.

O posicionamento mereceu a aprovação de todos os representantes das equipas na reunião técnica e foram unânimes em reconhecer o mérito dos quadros técnicos da FAB. Por outro lado, garantiram colaborar para que os plantéis regressem com a devida antecedência ao país a partir da próxima época.

\"É importante que as equipas, sempre que possível, realizem os estágios nas localidades que melhores condições oferecem para que os atletas voltem preparados para enfrentar uma época desportiva. Mas temos de convir que, quando retardam, obrigam a remarcação de jogos em atraso, o que implica alguns constrangimentos na competição\", sustentou Nuno Teixeira.