Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Hamane Niang prestigia Final Four

Melo Clemente - 23 de Maio, 2019

Maliano Niang far-se- acompanhar com uma delegao de alto nvel

Fotografia: DR

O maliano Hamane Niang, presidente da Fiba-Afrique e um dos candidatos para a presidência da Fiba-Mundo, vai prestigiar a “Final Four” da primeira edição da AfroLiga, prova que arranca amanhã, sexta-feira, no Pavilhão Arena do Kilamba, em Luanda, com o termo previsto para domingo.
Niang, que tem praticamente a sua candidatura preparada, para tomar de assalto à presidência do organismo que tutela a modalidade no mundo, faz-se acompanhar do seu secretário-geral, Alphonse Bilé, que já se encontra na capital angolana, Luanda, desde a última terça-feira, para além dos demais membros que compõem a Fiba-Afrique, segundo apurou o Jornal dos Desportos, junto do director Executivo da aludida competição, António Celestino Sofrimento Manuel, ou simplesmente Tony Sofrimento.
“Está, de facto, confirmada a vinda do presidente da Fiba-Afrique, o senhor Hamane Niang, que vai prestigiar a primeira edição da AfroLiga, competição que, a partir do próximo ano, terá uma nova designação. Como sabe, as delegações começaram a escalar a capital angolana na passada terça-feira. O secretário-geral da Fiba-Afrique, o senhor Alphonse Bilé já está entre nós e acredito que as últimas delegações devem escalar até ao dia de hoje, quinta-feira, revelou o director Executivo da Afroliga.
A menos de 48 horas do arranque da antiga Taça dos Clubes Campeões Africanos da “bola ao cesto”, às condições técnicas e administrativas estão totalmente criadas, para que a “Final Four” decorra sem qualquer sobressalto, segundo fez saber António Celestino Sofrimento Manuel.
“Felizmente, às condições quer técnicas, quer administrativas, estão totalmente criadas, para que possamos arrancar com a competição sem qualquer constrangimento”, assegurou o antigo secretário-geral da Federação Angolana de Basquetebol (FAB), hoje, nas vestes de director Executivo da AfroLiga.Questionado sobre às condições de acomodação das delegações participantes, o director Executivo afirmou “que são das melhores”.
“Como sabe, Angola é um país habituado a realizar grandes eventos internacionais, em particular o basquetebol, logo, temos uma vasta experiência neste quesito. Aliás, não foi por acaso que a Fiba-Afrique decidiu atribuir a organização da Final Four ao nosso país. À semelhança do que tem acontecido nos últimos tempos, à Comissão Organizadora tudo fez, para proporcionar às melhores condições de acomodação a todas as delegações que farão parte deste evento”, garantiu o actual assessor para as relações internacionais do presidente de direcção da Federação Angolana de Basquetebol (FAB), Hélder Martins da Cruz “Maneda”.
Entretanto, apesar do pouco tempo que a Comissão Organizadora teve, a campanha de marketing, levada a cabo pela referida comissão, surtiu o efeito desejado, de acordo com o director Executivo da AfroLiga, designação da antiga Taça dos Clubes Campeões Africanos.
“Nós tivemos pouco tempo para colocarmos toda a máquina a funcionar em pleno, ainda assim, fizemos o possível, para que esta prova seja coroada de êxito. Com a campanha de marketing que lançamos, conseguimos juntar alguns parceiros que nos vão ser úteis para a disputa da Final Four. Gostaríamos de ter mais parceiros mas, infelizmente, devido o factor tempo, que esteve ao nosso desfavor, não foi possível termos mais parceiros. Portanto, ainda assim, estamos satisfeitos com o que conseguimos”, disse.